Porto Velho (RO) segunda-feira, 17 de maio de 2021
×
Gente de Opinião

Economia

Sebrae e Facebook fecham parceria para capacitar empreendedores de todo o Brasil

Iniciativa inclui treinamentos e uma série de mesas redondas virtuais com especialistas para discutir soluções para os setores mais afetados pela crise


Sebrae e Facebook fecham parceria para capacitar empreendedores de todo o Brasil - Gente de Opinião

O Sebrae e o Facebook firmaram termo de cooperação para apoiar o desenvolvimento de empreendedores e de micro e pequenas empresas em todo o país. O acordo consiste em disponibilizar especialistas do Facebook para treinar a rede de consultores do Sebrae no Brasil, com o objetivo de oferecer capacitação de alto impacto em marketing digital, ajudando pequenos negócios a vender mais, gerar empregos e crescer.

A nova parceria faz parte das ações do Impulsione com Facebook, programa de desenvolvimento que oferece capacitação gratuita em marketing digital e nas ferramentas do Facebook, Instagram, Messenger e WhatsApp Business para gerar negócios. Os treinamentos serão disponibilizados em todos os canais do Sebrae, em uma série de 28 vídeos para capacitar em diferentes objetivos como, por exemplo, engajar públicos ou gerenciar e analisar a efetividade de anúncios.

“Este tipo de parceria chega em boa hora, pois os empresários de pequenos negócios reconhecem a importância de utilizar o meio digital para atravessar este momento de crise. Com isso temos o objetivo de alcançar o maior número possível de empresários possibilitando o acesso a canais de venda digital e de relacionamento com clientes e fornecedores”, explica o presidente do Sebrae, Carlos Melles.

Além da série de vídeos, a parceria inclui treinamentos e uma série de mesas redondas virtuais com especialistas para discutir soluções para os setores mais afetados pela crise. As mesas redondas serão feitas por lives e webinares e poderão ser acessados na página do Facebook e no perfil do Instagram do Sebrae. Estes conteúdos também serão compartilhados com os agentes Sebrae estaduais, onde já são abordados temas como marketing digital, conhecimentos de gestão, empreendedorismo, inovação e acesso a mercados necessários para os pequenos negócios se tornarem cada vez mais competitivos.

De acordo com o diretor de pequenas e médias empresas do Facebook na América Latina, Denis Caldeira, a digitalização, que já era uma aliada das micro e pequenas empresas, no período de pandemia se tornou ainda mais essencial. “Pequenas e médias empresas estão se digitalizando cada vez mais rápido. Esta parceria com o Sebrae permite que ainda mais PMEs tenham acesso à capacitação em marketing digital, e utilizem todo o potencial das redes para gerar renda, empregos e crescer”, explica Caldeira.

E os números corroboram esta necessidade de digitalização. Uma pesquisa do Instituto Ipsos, encomendada pelo Facebook, revelou que a tecnologia faz toda a diferença na rotina dos pequenos e que 71% das PMEs concordam que suas empresas estão mais fortes hoje devido ao uso da família de aplicativos do Facebook. Considerando-os separadamente, WhatsApp (92%), Instagram (89%) e Facebook (86%) ocupam as primeiras posições em importância para os negócios.

Mais Sobre Economia

Marco Legal das Startups é aprovado na Câmara dos Deputados

Marco Legal das Startups é aprovado na Câmara dos Deputados

A palavra Startup ficou reconhecida como a designação de uma empresa jovem com um modelo de negócio repetível e escalável, que, num cenário de incer

Programa Cidade Empreendedora é lançado com adesão de todos os municípios de Rondônia

Programa Cidade Empreendedora é lançado com adesão de todos os municípios de Rondônia

O Sebrae em Rondônia lançou, nesta sexta-feira (14), na capital Porto Velho, o Programa Cidade Empreendedora e Inovadora, que fomenta o empreendedor

Indústria acredita que o pior da pandemia ficou para trás e registra recuperação

Indústria acredita que o pior da pandemia ficou para trás e registra recuperação

Ainda é cedo para se saber com clareza como tem sido o desempenho econômico do Brasil no início de 2021, mas as expectativas para o ano na indústria