Porto Velho (RO) quarta-feira, 22 de maio de 2019
×
Gente de Opinião

Economia

Produção de peixe é incentivada pelo Sebrae

O Sebrae fomenta a cadeia produtiva do peixe, em especial, os pequenos negócios que podem ser fortalecidos, promovendo eventos, capacitando a mão de obra


Produção de peixe é incentivada pelo Sebrae - Gente de Opinião

Com uma movimentação de R$ 500 milhões na balança comercial e condições naturais consideradas excelentes, Rondônia se apresenta como um estado promissor para a criação de peixe. Nesse contexto, o Sebrae surge fomentando a cadeia produtiva, em especial, os pequenos negócios que podem ser fortalecidos por meio de eventos, capacitação de mão de obra e colaboração com produtores rurais que querem investir neste segmento.

Um exemplo desta parceria do Sebrae com os produtores rurais, foi o Seminário de Piscicultura, realizado em Machadinho do Oeste. Durante dois dias, agricultores e pessoas interessadas em investir na piscicultura receberam informações e foram treinadas na prática sobre atividades que podem gerar renda e agregar valor em uma área de produção de peixe.

O seminário foi realizado em parceria com a Superintendência de Desenvolvimento Econômico e Infraestrutura (SEDI) por meio do convênio 074/PGE/2018, 152 pessoas participaram das palestras e puderam trocar informações com especialistas em piscicultura, tirando dúvidas sobre o setor. “O contato com especialistas, às vezes, é muito caro para alguns produtores rurais. Neste contexto conseguimos aproximar o agricultor de quem tem a informação. E isso faz toda a diferença na hora de decidir em fazer ou não um investimento.”, destaca o analista técnico do Sebrae Domingos Oliveira.

No evento os produtores rurais aprenderam como agregar valor ao peixe. Por exemplo, na oficina de filetagem e retirada de espinhas, 26 pessoas foram capacitadas a tratar o peixe para torná-lo mais atrativo ao mercado, desse modo, o produto tem mais valor. Enquanto o peixe in natura é vendido a R$ 5,00 o quilo, a mesma quantidade processada pode chegar a R$ 21,00.

Outra oficina oferecida pelo Sebrae aos participantes de Machadinho do Oeste, foi a de criação de peixes, com o aproveitamento da água para a irrigação e a produção de hortaliças em um sistema chamado de aquapônico. Nesta oficina foram capacitadas 38 pessoas.

Para o produtor rural Admilson Souza Campos, a capacitação e a participação nas oficinas possibilitam uma melhor visão deste segmento. “Nós temos que se capacitar e investir certo, pois um erro pode inviabilizar todo o nosso negócio. Com as informações do Sebrae, fica mais fácil a gente escolher onde aplicar o nosso dinheiro”, destaca.

Mais Sobre Economia

CDL comemora 39 anos de serviços na Capital

CDL comemora 39 anos de serviços na Capital

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Porto Velho comemora nesta quarta-feira (22 /05), 39 anos de criação.  A entidade é uma marca registrada de luta

Acadêmicos da Faculdade Sapiens vão atuar na profissionalização de autônomos de Porto Velho

Acadêmicos da Faculdade Sapiens vão atuar na profissionalização de autônomos de Porto Velho

O ensino da Faculdade Sapiens foge do comum. A começar pelos cursos de graduação oferecidos com exclusividade, as disciplinas ofertadas a cada ciclo e

Inscrições abertas para processo seletivo Sebrae

Inscrições abertas para processo seletivo Sebrae

O Sebrae em Rondônia e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) recebem inscrições até 06 de junho,para o processo selet

Startup Day reuniu mais de 50 empreendedores

Startup Day reuniu mais de 50 empreendedores

Na edição de 2019 o Startup Day de cada estado preparou uma programação que permitiu capacitação, compartilhamento de experiências e conexão com o eco