Porto Velho (RO) sábado, 20 de outubro de 2018
×
Gente de Opinião

Cultura

USP ministra treinamento na Faculdade São Lucas


Um grupo de alunos da Faculdade São Lucas e da Universidade Federal de Rondônia (Unir) foram capacitados pelos Professores Maria Anice Sallum, da Faculdade de Saúde Pública da USP, e Eduardo Bergo, da Superintendência de Controle de Endemias (Sucen-SP), no período de 8 a 16 deste mês, na identificação de mosquitos do gênero Culex. Foram 72 horas de treinamento e atividades de campo no Instituto de Ciências Biomédicas (ICB5/USP) em Monte Negro, município do interior rondoniense. O treinamento vem de encontro às necessidades de capacitar os alunos da área de biologia na identificação do principal vetor da filariose bancroftiana (elefantíase), encontrado em abundância em Porto Velho e demais municípios do estado.

O ICB5/USP, em cooperação com a Faculdade São Lucas, desenvolve projeto de pesquisa que visa identificar a ocorrência de filariose bancroftiana em Porto Velho. Trata-se de um projeto fomentado pelo governo de São Paulo, através da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), com duração de 2 anos. Esta terrível e deformante doença já foi identificada em Porto Velho e Guajará Mirim, em 1950, porém todos os portadores eram procedentes de outros estados. Desde então, nada foi feito e atualmente não se sabe se a parasitose está ocorrendo. O objetivo do projeto, segundo o médico Luis Marcelo Aranha Camargo, pesquisador da USP e coordenador do Curso de Medicina da Faculdade São Lucas, é evidenciar a ocorrência e permitir tratar os pacientes antes que evoluam para as formas graves da doença.

Os estudos já começaram de forma piloto nos bairros Baixa da União, Candelária e Triângulo, desde agosto do ano passado. Já foram examinadas 480 pessoas, todas negativas para a presença do parasita no sangue. Foram coletados 1964 mosquitos dentro dos domicílios, que serão examinados para saber se encontram infectados com parasita e se estão transmitindo a doença em Porto Velho.
 
Fonte: Chagas Neto

Mais Sobre Cultura

Wankabuki apresenta peça “À Margem” em três cidades de Rondônia

Wankabuki apresenta peça “À Margem” em três cidades de Rondônia

O Grupo de Teatro Wankabuki, de Vilhena (RO), realizará entre os dias 17 e 26 de outubro uma série de apresentações da peça “À Margem” nos municípios

Professor Aleks Palitot doa livros para escola municipal infantil

Professor Aleks Palitot doa livros para escola municipal infantil

Na tarde de quinta-feira (11), o Professor Aleks Palitot visitou a Escola Municipal de Educação Infantil Prof.ª Ronilza Cordeiro Afonso Dias, na Zona