Porto Velho (RO) quarta-feira, 29 de junho de 2022
×
Gente de Opinião

Cultura

Teatro: 'Estreito Beco' lota Banzeiros e destaca preservação do meio ambiente


 
Mais de cento e cinquenta pessoas prestigiaram na noite de ontem, terça-feira (26/10), no Teatro Banzeiros, a estréia do espetáculo “Estreito Beco”, do grupo teatral de Porto Velho Quebra Cabeça dá o Bote, parceiro da prefeitura de Porto Velho.Teatro:  'Estreito Beco' lota Banzeiros e destaca preservação do meio ambiente - Gente de Opinião

A peça é baseada no livro “Espia a Poesia” do poeta cearense Dom Lauro, residente em Porto Velho há décadas. Segundo o poeta Mado, que dirigiu o espetáculo, a idéia do “Estreito Beco” é apresentar a poesia de Dom Lauro, de forma dramatizada. “Não é mais àquela apresentação de poesia declamada e sim dramatizada, ou seja, cada verso ganha vida através dos atores. Os personagens se misturam no contexto poético entre contos e histórias, circulando no espaço cênico, corpo, voz e trilha sonora. Além disso, estamos prestigiando um poeta local”, explicou o diretor.

Segundo Mado, o foco central da peça é a preservação do meio ambiente. “Através da poesia abordamos sobre os crimes praticados contra a natureza, principalmente o desmatamento das florestas”, disse.     

Mado trabalha há 30 anos com teatro popular e segundo ele nos últimos anos os portovelhenses tem mudado o conceito sobre o teatro e prestigiado mais as apresentações que acontecem na cidade. “A oferta desta arte hoje também é maior. São vários espetáculos em cartaz na capital, o que tem popularizado o teatro e oportunizado a formação de novos atores. Além disso, a criação de espaços adequados, como o Banzeiros, estimula a criação de novos espetáculos”, completou.

Segundo a atriz, Natália Lima, foram dois meses de intensos ensaios e a expectativa de público foi superada. “O Banzeiros tem capacidade para duzentas pessoas e estava praticamente lotado, o que motivou ainda mais o grupo”, destacou ela.

A funcionária pública Lindomar Soares, foi conferir o espetáculo e ficou, segundo ela, ainda mais apaixonada pelo teatro. “Achei uma verdadeira obra-prima. É muito gratificante saber que em Porto Velho temos excelentes atores e grandes espetáculos como este”, salientou.

Natália ressalta ainda, que quem perdeu a estréia ainda terá duas oportunidades para conferir o trabalho. “Uma nova apresentação será nesta quarta-feira (27/10) e a outra no próximo dia três de novembro, às 21h”, enfatizou.

Dentre as propostas da peça, além de difundir o teatro e discutir temas relevantes, como a preservação do meio ambiente, também está arrecadação de brinquedos para crianças carentes. A entrada é apenas um brinquedo que será entregue à uma associação beneficente,  que distribuirá para crianças carentes no natal. “Só na estréia conseguimos arrecadar centenas de brinquedos, que farão muitas crianças felizes neste natal”, finalizou a atriz Natália Lima.

Fonte: Meiry Santos

 

Mais Sobre Cultura

Projeto Sesc 52 leva programação literária em suas últimas semanas de circulação no interior de Rondônia

Projeto Sesc 52 leva programação literária em suas últimas semanas de circulação no interior de Rondônia

O Sistema Fecomércio/Sesc/Senac/IFPE de Rondônia, por meio do Sesc/RO, reafirmando seu objetivo de integração, inclusão social e fomentador da cultu

Cia de Artes Ji-paranaense apresenta nos dias 27 e 28 de junho espetáculo inspirado na migração de mulheres no ciclo da borracha.

Cia de Artes Ji-paranaense apresenta nos dias 27 e 28 de junho espetáculo inspirado na migração de mulheres no ciclo da borracha.

Desde sua criação a Cia Clandestinos de Artes vem abordando temáticas de grande importância que vão desde assuntos da esfera intimista como também n

O menino do coração de ferro

O menino do coração de ferro

Dia 26 de Junho às 20h de Rondônia e às 21h de Brasília no canal do YouTube do Conexão Norte o Autor Fabiano Barros lança o audiobook O MENINO DO CORA

Invisibilidade, transfobia e violência são temas abordados no vídeo-teatro performativo “Corpo do Prazer” que estreia no sábado (25)

Invisibilidade, transfobia e violência são temas abordados no vídeo-teatro performativo “Corpo do Prazer” que estreia no sábado (25)

O clima é de expectativa para o acadêmico da Licenciatura em Teatro da Universidade Federal de Rondônia (UNIR), Ádamo Teixeira. Isso porque neste sá