Porto Velho (RO) sábado, 21 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Sergio Pires

Primeira Mão - 17/11/10


 Primeira Mão - 17/11/10 - Gente de Opinião 


UM ANO DEPOIS, QUASE NADA FOI FEITO

E A DENGUE VOLTA COM FORÇA TOTAL

 

A coisa funciona (ou não funciona) mais ou menos assim: o ministério da Saúde alerta os governos estaduais, que alertam as prefeituras, que alertam a população e...nada de resolver o problema. Por isso, a tendência é que ele se intensifique ainda mais nesse período de inverno amazônico sobre os já assustadores números do ano passado. Como não houve praticamente nenhuma ação preventiva antes da chegada das chuvas, a previsão é a dengue atinja novamente Rondônia ( e especialmente Porto Velho), com força total nos próximos meses. No início de 2010, em apenas 21 dias de janeiro, houveram mais de 5.300 casos no Estado, com quase a metade apenas na Capital. Agora, além de Porto Velho, o alerta das autoridades sanitárias valem para todas as demais cidades rondonienses, mas especialmente para Guajará Mirim, Ji-Paraná e Vilhena, nessa ordem.

O risco de surto da doença também pode chegar a Cacoal e Ariquemes. Sabe-se quase tudo sobre o mosquito da dengue, onde ele se reproduz, como combatê-lo, mas, na essência, as ações ficam mais sob responsabilidade da própria população do que por medidas práticas vindas da área da saúde, que efetivamente resolvam o problema. A doença, que não é exclusiva de Rondônia nem dos Estados da região norte, mas atinge a todo o Brasil, pode chegar com força total no final deste ano e início de 2011, com milhares de pessoas contaminadas e dezenas de mortes. Houve um ano para que fossem tomadas medidas preventivas e concretas contra a dengue. Muito pouco foi feito. Agora, pelo jeito, vamos ter que contar apenas com a sorte, de novo; com os mesmos discursos de sempre e autoridades de um nível colocando a culpa em outras, de outro nível. Ou seja: preparemo-nos nós mesmos para resolver as coisas. Senão...

 

PRIMEIROS NOMES

A semana começou com o feriadão de 15 de novembro e a terça-feira marcou o primeiro encontro entre o governador que deixa o posto, João Cahulla e o eleito, Confúcio Moura. A partir de agora, devem começar a ser anunciados os primeiros nomes da nova equipe de governo. O tempo voa e as decisões começam a ser tomadas.

ADVERSÁRIOS

A transição de governo, que não está tão tranqüila como se esperava, mesmo assim vai andando. Os membros da comissão indicada por Confúcio Moura terão que cumprir algumas exigências feitas por decreto, por João Cahulla, para terem acesso às informações de que precisam. Quando o eleito é aliado do detentor do poder, tudo é mais fácil. Quando são adversários políticos...

CASO CPA

Informação de uma personalidade importante, muito ligada ao governador eleito Confúcio Moura, diz que não há dúvida de que, caso não seja concluído até o final do ano pelo atual governo, o Centro Político Administrativo (CPA), será terminado o mais breve possível na administração que começa em 1° de janeiro.

VINTE ANOS

Por falar em obras pendentes, o senador Valdir Raupp garantiu, em entrevista à TV Candelária, no final de semana, que o teatro de Porto Velho estará pronto até o final de 2011. Raupp lembrou que foi ele, quando governador, que começou a obra. Quase 20 anos depois é que ela está prestes a virar realidade.

ATÉ JUNHO DE 2012

Por falar em Raupp, nos próximos dias deverá ser anunciado oficialmente. Ele assume a presidência do PMDB enquanto Michel Temer estiver licenciado, como vice-presidente eleito. O senador rondoniense deve ficar no comando do maior partido do país pelo menos até junho de 2012.

CUMPRIMENTO MÚTUO

Adversários políticos há muitos anos, os dois senadores eleitos por Rondônia encontraram-se dia desses, no interior do Estado. Mesmo com a grande diferença política entre ambos, os dois praticaram o que se espera de dois líderes: Ivo Cassol e Valdir Raupp cumprimentaram-se civilizadamente pela vitória nas urnas.

GRANDE SUCESSO

Ainda deve-se registrar, mesmo depois de alguns dias de sua realização, o grande sucesso da edição deste ano da Feiron. Foi uma demonstração do potencial das empresas rondonienses, mostrou em detalhes os grandes investimentos nas usinas hidrelétricas do Madeira e ainda abriu as portas para muitos novos negócios. Merecem elogios o presidente da Fiero, Denis Bau e toda a equipe que fez uma feira de resultado muito positivo.

NO TELEFONE

A semana está quente nos bastidores da Assembléia Legislativa. Durante o feriadão e até a terça que deu início à semana, os candidatos a candidato à Presidência não pararam de falar ao telefone. Cada um deles tentando cooptar mais aliados. O assunto ferve daqui a alguns dias.

DE ARREPIAR

A última edição da revista Veja tem uma reportagem incrível sobre assassinos que estão na cadeia, Brasil afora. Os relatos frios feitos pelos bandidos são de arrepiar. Na maioria dos casos, eles culpam as vítimas que morreram. Daqui a pouco, todos esses facínoras estarão soltos, graças às leis que dão a eles tudo. E às suas vítimas só os sete palmos de terra.   
 

Siga o Gentedeopinião no Gente de Opinião



Fonte: Sergio Pires  - ibanezpvh@yahoo.com.br
 
Gentedeopinião   /  AMAZÔNIAS   /  RondôniaINCA   /   OpiniaoTV
 Energia & Meio Ambiente   /   YouTube / Turismo   /  Imagens da Históra

 


 

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Sergio Pires

Direto ao Ponto com Vinicius Miguel

Direto ao Ponto com Vinicius Miguel

Sábado 12 horas e Domingo 7:30, na Record News. A partir da noite de sábado, no site Gente de Opinião. Direto ao Ponto, com Vinicius Miguel!Veja o víd

Entenda a crise na saúde + A decisão do TSE é justa? + Contribuinte vai pagar por crime eleitoral + Um super star amigo de Rondônia

Entenda a crise na saúde + A decisão do TSE é justa? + Contribuinte vai pagar por crime eleitoral + Um super star amigo de Rondônia

ENTENDA A CRISE NA SAÚDE, DAS EXIGÊNCIAS DOS ÓRGÃOS FISCALIZADORES, AO PONTO ELETRÔNICO E AOS BAIXOS SALÁRIOSDurante vários anos, os órgãos de fiscal

TRE vai decidir: Uso de laranjas nas candidaturas femininas pode tirar mandato de nove eleitos em Rondônia

TRE vai decidir: Uso de laranjas nas candidaturas femininas pode tirar mandato de nove eleitos em Rondônia

TRE VAI DECIDIR: USO DE LARANJAS NAS CANDIDATURAS FEMININAS PODE TIRAR MANDATO DE NOVE ELEITOS EM RONDÔNIAO que têm em comum a pequena cidade de Val