Porto Velho (RO) sábado, 16 de janeiro de 2021
×
Gente de Opinião

Sandra Castiel

Rondônia perdeu seu bandeirante mais apaixonado: Abnael Machado de Lima - Por Sandra Castiel


Rondônia perdeu seu bandeirante mais apaixonado: Abnael Machado de Lima - Por Sandra Castiel - Gente de Opinião

Na última sexta-feira, Rondônia vestiu-se de luto, pois perdeu seu bandeirante mais apaixonado: Abnael Machado de Lima. Abnael era filho da Amazônia, o sangue que pulsava em suas veias era a própria seiva que alimenta o verde de nossa gigantesca floresta; conhecia cada árvore, cada fruto, cada palmo de terra, cada canto de pássaro, cada animal desta região; conhecia cada cachoeira, cada rio, cada igarapé, cada igapó, cada chavascal, cada tipo de vegetação; conhecia todas as nuances dos céus de Rondônia; as nuvens que indicavam chuvas amenas ou fortes, as nuvens que indicavam escassez de água. Abnael era muito mais que um professor que dedicou a vida ao magistério; era um estudioso obcecado pelo conhecimento de nossas raízes, de cada momento de nossa história, de cada expressão de nossa cultura, de cada personalidade que ajudou a fazer de Rondônia o que se tornou hoje, desde o primeiro dormente fincado no chão pelos pioneiros da Madeira Mamoré. E amava compartilhar todo esse conhecimento que sua inteligência privilegiada acumulara ao longo da vida: estava sempre disponível para quem o procurasse em sua acolhedora casa; ali, buscava em seus guardados os frutos de suas pesquisas para esclarecer sobre o tema em questão: apresentava livros, fotografias e manuscritos, além de discorrer sobre o assunto com a riqueza de detalhes que lhe era peculiar; Abnael era um livro de ouro, um compêndio mágico capaz de ensinar tudo, absolutamente tudo sobre a terra que venerava desde sempre.  Marido amoroso, pai abnegado, avô orgulhoso de seu neto Cauã... Nazaré, o amor de sua vida, esposa e companheira leal da existência inteira; Natália, Noeli, Hélia e Júnior, filhos desse grande amor; nora e genros; minha saudade junta-se às vossas.

. Abnael estará sempre conosco, do lado esquerdo do peito, até o fim. 

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Sandra Castiel

Ensaios literários  sobre poetas de Rondônia (III)

Ensaios literários sobre poetas de Rondônia (III)

A explosão demográfica em Rondônia nos anos de 1980 impactou e evidentemente provocou mudanças significativas no olhar da população local que acompa

Em Minha Vida, A Mãe de Jesus

Em Minha Vida, A Mãe de Jesus

Quando eu era menina, aprendi com as colegas da vizinhança uma musiquinha que me deixou encantada: “Mãezinha do Céu/ Eu não sei rezar/ Eu só sei diz

UTI: uma experiência inesquecível

UTI: uma experiência inesquecível

Ponho-me a pensar na vida e sua efemeridade. Nunca tive problemas graves de saúde, até que, em passado recente, vejo-me conduzida à entrada de uma UT

Dr. Paulo Gondim: Missão de Vida

Dr. Paulo Gondim: Missão de Vida

Em meio à insegurança que temos vivido pela pandemia que assola o mundo, ponho-me a pensar nas demais doenças com as quais as populações convivem e