Porto Velho (RO) segunda-feira, 25 de junho de 2018
×
Gente de Opinião

Lucio Albuquerque

Histórias do Lúcio (VI)


GAROTO TRAÍRA

Há pessoas que conhecem esta história e que sempre pedem para repetir e riem muito. Até algum tempo quando o avião ia pousar em Espigão d'Oeste, ou descia por baixo do cabo de alta tensão que ficava na cabeceira da pista ou, então, passava por baixo e tinha só meia pista para parar.

1990, o tempo é ruim desde quando saímos de Cerejeiras e o Jaime, piloto do monomotor em que eu e o fotógrafo Marcos Grutzmacher viajávamos, deu duro para manter o avião na rota, tantos eram os ventos contrários.

Em Espigão ele deu o tradicional sobrevôo na pista para espantar alguns animais que pastavam e crianças que brincavam lá, até que decidiu passar por baixo dos cabos de alta tensão.

Mal descemos, veio o prefeito Nilton Caetano nos receber. Foi quando chegou um moleque, aí por volta de 10 anos, sem camisa, lourinho. E o guri foi logo dizendo: 'Puxa, o avião balançou muito, né?', e fez o gesto, com os braços, de um mono voando.

Eu disse: 'Pois é, e eu estava morrendo de medo'. Aí o garoto mostrou que estava jogando de zagueiro e fazendo gol contra.

'Pois eu, não. Eu tava era torcendo pro avião cair. Meu irmão já viu um avião caindo e eu tenho a maior inveja dele por isso'.

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Lucio Albuquerque

Caminhoneiros pressionaram... Por Lúcio Albuquerque

FAZE O QUE DIGO, MAS NÃO FAZE O QUE FAÇO

BRASIL BEM NA FOTO: À FRENTE DA COREIA E TAIWAN - Por Lúcio Albuquerque

BRASIL BEM NA FOTO: À FRENTE DA COREIA E TAIWAN - Por Lúcio Albuquerque

Pode parecer ironia que o título se refira ao Brasil estar à frente de duas nações gigantes em tecnologia e economia no mundo, mas, por incrível que i

O silêncio ensurdecedor da morte do lado errado - Por Lúcio Albuquerque

O silêncio ensurdecedor da morte do lado errado - Por Lúcio Albuquerque

Tenho dito, e já escrevi, que sou favorável ao movimento dos caminhoneiros, mas também tenho dito e escrito que sou contra a violência, a ameaça a que

ÓRGÃOS DE CONTROLE PRECISAM “SAIR DA TOCA”

A reação do governo foi, pelo menos, absurda