Porto Velho (RO) quarta-feira, 8 de dezembro de 2021
×
Gente de Opinião

Aroldo Vasconcelos

Grande amigo doutor Márcio Melo, combateu o bom combate!


Grande amigo doutor Márcio Melo, combateu o bom combate! - Gente de Opinião
Essa pandemia dos diabos, esse vírus chinês, esses desencontros políticos, esses protocolos demorados, essa crise de atendimento na saúde, essa crise sanitária e econômica, esse novo normal que nos desafia a todos, levou ontem um grande combatente, um defensor de tantas causas sociais e jurídicas; um grande amigo, cheio de energia, planos e projetos do alto de seus 54 anos, filho de Rondônia, patriota e bom cidadão.
A covid 19 abateu o brigadista do direito Marcio Augusto de Souza Melo.

Grande amigo doutor Márcio Melo, combateu o bom combate! - Gente de Opinião
Eu conheci em 2018.
Auxiliei na formação do grupo de estudos sociais e econômicos em 2019 que resultou na criação do Instituto Kadoshi de cidadania onde ele foi o segundo presidente.
Muitas ideias, ideais, projetos e propostas de melhoria constitucional, tributárias e de caráter regional ele defendeu e estava desde janeiro na direção de partido político onde certamente seria mentor de candidaturas agora e em 2022.
Mas veio o contágio, as dúvidas, o trabalho constante, a defesa dos outros e há 15 dias atrás hospital e a UTI.
Dia 19 (sexta-feira) o descanso do nobre amigo, o corre de todos, as homenagens e os preparativos no paraíso espiritual para a sua recepção.
Quem o conheceu e conviveu, mesmo que por pouco tempo, sabe: combateu o bom combate, manteve a fé e encerrou sua carreira com grandes resultados.
Porto Velho perdeu, nessa semana que hoje encerra, muitos tesouros. Vidas preciosas. Trajetórias brilhantes e também gente simples e pouco conhecidas, mas todos somos tesouros. 
É preciso que todos, simplesmente, todos possamos aprender com essa coisa da covid 19.
E que coisa seria essa: resposta simples, nada pode ser mais importante na sociedade, especialmente para aqueles que cuidam, ou deveriam cuidar das políticas de saúde, educação, segurança, bem estar social e econômico que sem vidas, sem saúde, não há simplesmente, nada.
Precisamos todos cuidar de todos com mais amor; amor real e menos digital.
Deus seja nosso guia.
Deus é amor.
Graça e Paz.

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Aroldo Vasconcelos

Qual o valor do agronegócio para o Brasil?

Qual o valor do agronegócio para o Brasil?

O agronegócio segue confirmando o quanto é importante para a economia brasileira. No final da década passada (2020) vários artigos de vários jornais

Cuide bem do seu tesouro; cuide bem de você e de sua família

Cuide bem do seu tesouro; cuide bem de você e de sua família

Pessoal, caros amigos e amigas, irmãos e irmãos, colegas e caminhantes; gostaria de sua atenção por seis ou sete minutos, é o tempo de ler essa mens

Por um projeto real de desenvolvimento para o sul da Amazônia

Por um projeto real de desenvolvimento para o sul da Amazônia

Outra vez estamos retomando a questão de planejamento do desenvolvimento regional da região geográfica do sul da Amazônia Brasileira, cujos desafios

Execução Orçamentária e a Arrecadação em Rondônia

Execução Orçamentária e a Arrecadação em Rondônia

A Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão (SEPOG), órgão da estrutura do Poder Executivo responsável pelo planejamento, acompanhame