Porto Velho (RO) sábado, 22 de janeiro de 2022
×
Gente de Opinião

Aroldo Vasconcelos

EMPREENDEDORISMO SOCIAL - Primeira abordagem


 
Em 2010 li material acadêmico sobre o conceito de empreendedorismo social e um livro em especial me chamou a atenção, trata-se do Empreendedorismo social - Da teoria à prática, do sonho à realidade. de Edson Marques de Oliveira - Editora Qualitymark; recuperei mês passado essa leitura na biblioteca de casa que nasceu de um baiano que cresceu em São Paulo o autor galgou posição social e espaço para suas ideias na década de 90 como bacharel em Serviços Sociais, especialmente após cursar seu mestrado e doutorado. Professor por dedicação e educador por excelência o professor Edson desenvolve em seu compendio um verdadeiro tratado sobre as funções e caratéristicas do empreededorismo social com matizes com o conceito de empreendedor que estamos acostumados a ouvir do SEBRAE desde sempre. Segundo o estudioso o contexto do aparecimento do conceito formal de empreendedorismo social tem a ver com a necessidade de se colocar os projetos sociais de beneficios públicos e coletivos no rol das ações concretas e de resultados, passando do pensamento desarticulado de "querer servir desinteressadamente" que figura por exemplo no texto legal da Lei federal sobre Utilidade Pública para assumidamente colocar conceitos empresariais na gestão comprometida com resultados nesses mesmos projetos. Isso porque na grande maioria das vezes em que vocêe conversa com algumas lideranças desses projetos o sonho pressupõe a lógica do mercado e normalmente não decolam projetos ambiciosos de transformação social, meramente em razão das leis mercadológicas e de relações trabalhistas que impõem a esses mesmos dirigentes complicações com o fisco, multas, desconfiança da opinião pública e um emaranhado de ações jurídicas que desmontam os pretensos interesses descompromissados. O livro aqui em destaque, coloca muitas luzes para o voluntariado brasileiro e para os lideres do terceiro setor que queiram dedicar seu tempo e parte de sua vida a causas do coletivo. Edson Marques Oliveira propõe um modelo de empreendedorismo social que fuja às tentações do assistencialismo do paternalismo e da simples filantropia. Seu objetivo é buscar alternativas exequíveis do ponto de vista da administração pragmática e de qualidade para resolver os graves problemas sociais do nosso país a partir da iniciativa das empresas que em aliança  com o governo e com a sociedade civil organizada possam atuar como um todo. 
 
Neste livro encontramos casos de sucesso e um modelo de aplicabilidade para as idéias que expõe ao longo de toda a obra.
​A proposta é orientar
o leitor a disciplinar o pensar sem com isto restringir o sonhar, formando, portanto, um empreendedor que sonha com os pés no chão e é capaz de transformar a realidade que o cerca. 
 
​O livro é
um manual embora não seja demasiadamente técnico. Reflexivo sem ser por demais teórico e enfadonho. Trata-se, portanto, de um livro de fácil leitura, útil tanto para leigos quanto para especialistas que desejam enfrentar a questão social passando da teoria à prática, transformando seus sonhos em realidade.
 
​O conceito formal de empreender significa em linhas gerais modificar estruturadamente e com resultados eficazes a realidade que o cerca, dando normalmente solução para um problema especifico; no caso ​do empreendedorismo social o agente que idealiza os projetos e processos de solução de problemas como saúde, educação, geração de emprego e renda e soluções culturais deverá montar seus sistemas de desenvolvimento, acompanhamento e controle de resultados, tando para o beneficio público como para seu próprio, no caso do empreendedor (líder social)  tendo em vista que todo e qualquer projeto depende de recursos financeiros captados no meio público ou no meio privado e que prescindem da correta aplicação e de tempestiva prestação de contas. 
 
 
Francisco Aroldo Vasconcelos de Oliveira

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Aroldo Vasconcelos

Qual o valor do agronegócio para o Brasil?

Qual o valor do agronegócio para o Brasil?

O agronegócio segue confirmando o quanto é importante para a economia brasileira. No final da década passada (2020) vários artigos de vários jornais

Cuide bem do seu tesouro; cuide bem de você e de sua família

Cuide bem do seu tesouro; cuide bem de você e de sua família

Pessoal, caros amigos e amigas, irmãos e irmãos, colegas e caminhantes; gostaria de sua atenção por seis ou sete minutos, é o tempo de ler essa mens

Por um projeto real de desenvolvimento para o sul da Amazônia

Por um projeto real de desenvolvimento para o sul da Amazônia

Outra vez estamos retomando a questão de planejamento do desenvolvimento regional da região geográfica do sul da Amazônia Brasileira, cujos desafios

Execução Orçamentária e a Arrecadação em Rondônia

Execução Orçamentária e a Arrecadação em Rondônia

A Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão (SEPOG), órgão da estrutura do Poder Executivo responsável pelo planejamento, acompanhame