Porto Velho (RO) domingo, 26 de junho de 2022
×
Gente de Opinião

Social

Lar do Bebê é uma das unidades referência no acolhimento e adoção de crianças em Porto Velho

Unidade passou por ampla reforma pelo município


Lar do Bebê é uma das unidades referência no acolhimento e adoção de crianças em Porto Velho - Gente de Opinião

Entregue no início do mês pela Prefeitura de Porto Velho, o Lar do Bebê funciona como um espaço de proteção provisória e de acolhimento institucional, oferecendo um ambiente acolhedor para crianças em situação de vulnerabilidade social.

Nos últimos dois anos, cerca de 80 crianças, de 0 a 10 anos, deram entrada na unidade. Deste total, 15% ganharam um novo lar após a finalização do processo de adoção, realizado pela Vara de Proteção à Infância e Juventude de Porto Velho.

Segundo a psicóloga responsável pelo acolhimento das crianças no Lar do Bebê, Aciê Iguchi, o processo de adoção, que começa pelo juizado, pode levar até dois anos para ser finalizado. Ela explica que após passar pela fila de espera, os futuros pais adotivos, junto a criança adotada, passam por um período de aproximação, que é executado pela equipe técnica do Departamento de Proteção Social Especial (DPSE), da Secretaria Municipal de Assistência Social e Família (Semasf), em conjunto com a Vara de Infância e Juventude.

Aciê Iguchi, psicóloga responsável pelo acolhimento na unidadeAciê Iguchi, psicóloga responsável pelo acolhimento na unidadeO município também trabalha em outro tipo de cenário. O de retorno da criança e adolescente ao antigo lar. “Antes das crianças entrarem para adoção, todo um trabalho é feito no núcleo familiar de onde ela saiu para tentar melhorar o ambiente e inseri-la de volta no seio familiar. Caso não seja possível, nós procuramos outros parentes mais próximos que possam contribuir para o desenvolvimento da criança”, destacou a profissional.

Ainda segundo Aciê Iguchi, entre os fatores que levam crianças e adolescentes à unidade de acolhimento estão o não comparecimento à escola, privação de alimento adequado, abandono e conflitos familiares.

Além dos serviços de acolhimento, no Lar do Bebê também é desenvolvido o projeto Apadrinhando Uma História, que consiste em receber pessoas físicas e jurídicas dispostas a desenvolverem atividades de ensino voltadas às crianças.

Mais Sobre Social

Segunda edição do Sábado Solidário Semdestur acontece no próximo sábado (25)

Segunda edição do Sábado Solidário Semdestur acontece no próximo sábado (25)

A próxima edição do “Sábado Solidário Semdestur” chega, no próximo sábado (25), à zona Leste de Porto Velho. O evento, que acontecerá na Praça CEU,

Livros sobre violência doméstica - os 4 melhores

Livros sobre violência doméstica - os 4 melhores

Existem bons livros sobre violência doméstica para quem gosta de ler e conseguir compreender melhor esse problema mais de perto. Portanto, são livros

Inscrições abertas para o Brincando nas Férias 2022

Inscrições abertas para o Brincando nas Férias 2022

Estão abertas as inscrições para o “Brincando nas férias 2022” – projeto que há mais de 30 anos realiza programação recreativa no período das féria