Domingo, 23 de junho de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Social

25 de maio: no dia nacional da adoção, o exemplo de uma família construída pelo amor


25 de maio: no dia nacional da adoção, o exemplo de uma família construída pelo amor - Gente de Opinião

Em 25 de maio, data que celebra o Dia Nacional da Adoção, Raquel Correia Lima, técnica judiciária do Tribunal de Justiça de Rondônia (TJRO), conta como ela e o então companheiro Renato, realizaram o sonho de ter um filho.

O caminho da adoção foi trilhado com ansiedade. O casal passou por um processo de espera e resiliência. Foram 4 anos aguardando a chegada de Rodrigo.

“Nos chamaram para conhecer um bebê, foi paixão à primeira vista e no dia 31 de dezembro de 2008 fomos com ele para casa, ele tinha oito meses”, conta Raquel. Atualmente Rodrigo tem 16 anos. Ainda integra a família, João atual companheiro de Raquel.

A mãe compartilha que quando Rodrigo chegou, iniciou uma grande e bonita trajetória de aprendizagem e amadurecimento. “Ser mãe, ser pai, independente de filho biológico ou adotivo, sempre será um aprendizado diário. Ninguém nasce preparado para ser mãe, para ser pai. Todos nós aprendemos diariamente. É um crescimento pessoal imenso.”

Para Raquel, a adoção é um processo que conta com disposição e preparação, assim como para pais naturalmente biológicos, pois implica em mudanças de comportamento, incluindo assumir responsabilidades, organização financeira, autorregulação emocional e toda adaptação de rotina para receber o novo integrante na família.

“Ser pai e mãe é uma tarefa desafiadora que implica renúncia, aceitação do filho real e o luto do filho idealizado. Aceitar que não se cria um filho para si, mas para a sociedade e que para isso é importante assumir comportamentos como cuidar, proteger, educar”, comentou.

25 de maio: no dia nacional da adoção, o exemplo de uma família construída pelo amor - Gente de Opinião

O processo de adoção pode ser feito por pessoas maiores de 18 anos e independe do estado civil. O primeiro passo é procurar o Juizado da Infância e Juventude do TJRO. Após o cadastramento e demonstração de interesse, iniciam os trâmites para verificar se os candidatos estão aptos e um curso de preparação.

O processo tem o apoio de assistentes sociais do Tribunal que desempenham papel essencial no andamento da adoção. Os profissionais acompanham os futuros pais desde que demonstram interesse em adotar, passam pela orientação e entrega da documentação, habilitação dos adotantes, o processo de conhecer a criança ou adolescente até a inclusão no novo lar.

O Dia Nacional da Adoção, além de celebrar a data, promove reflexão sobre a função social da adoção. Um ato de amor e cuidado que contribui tanto para qualidade de vida da criança, enquanto indivíduo, quanto para a comunidade que a recebe.

“Ser mãe adotiva é um ato de coragem e amor incondicional, é ter vida, é ter cor, é se doar por completo a alguém que te escolheu, é chorar em silêncio quando vê as dificuldades, mas também sorrir com um beijo de bom dia”, compartilha Raquel.

Gente de OpiniãoDomingo, 23 de junho de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

"Prato fácil: um sonho que se tornou realidade ao servir 3 milhões de refeições", diz primeira-dama, Luana Rocha

"Prato fácil: um sonho que se tornou realidade ao servir 3 milhões de refeições", diz primeira-dama, Luana Rocha

“Estamos emocionados com as 3 milhões de refeições nutritivas disponibilizadas às famílias em situação de vulnerabilidade socioeconômica em Rondônia

Prova de vida por reconhecimento facial moderniza serviços prestados aos beneficiários do Iperon

Prova de vida por reconhecimento facial moderniza serviços prestados aos beneficiários do Iperon

Com o objetivo de modernizar e agilizar os serviços prestados aos beneficiários, o Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Estado de Ron

Prefeitura de Porto Velho coleta cerca de 25 toneladas de doações para o RS, arrecadadas pela Fecomércio Rondônia

Prefeitura de Porto Velho coleta cerca de 25 toneladas de doações para o RS, arrecadadas pela Fecomércio Rondônia

Em apoio às famílias atingidas pela enchente ocorrida no estado do Rio Grande do Sul, o Sistema Fecomércio/Sesc/Senac Rondônia, através do Programa Me

Sicoob Credisul doa mais de R$ 397 mil para construção da Casa de Apoio Filhos de Hiran, em Porto Velho

Sicoob Credisul doa mais de R$ 397 mil para construção da Casa de Apoio Filhos de Hiran, em Porto Velho

A Sicoob Credisul, em seu compromisso com o bem-estar das comunidades, doou R$ 397,38 mil para a construção da Casa de Apoio Filhos de Hiran, em Por

Gente de Opinião Domingo, 23 de junho de 2024 | Porto Velho (RO)