Porto Velho (RO) sábado, 24 de agosto de 2019
×
Gente de Opinião

Turismo

TURISMO EM MACHU PICCHU E CUZCO FICOU MAIS FÁCIL


                         CHICO ARAÚJO
                
chicoaraujo@agenciaamazonia.com.br

BRASÍLIA — Fazer turismo nas paradisíacas cordilheiras do Peru agora ficou bem mais fácil para quem mora no Acre, Rondônia e Amazonas. Quem mora em Brasília também poderá desfrutar das facilidades para conhecer as belezas peruanas. Na sexta-feira, 8, foi inaugurado um vôo regular entre Rio Branco (AC) e Peurto Maldonado (Peru), com saídas às segundas e sextas. 

O vôo entre as duas cidades tem uma hora de duração, em avião tipo Bandeirante para 18 passageiros. Da capital do Departamento de Madre de Dios, o turista faz conexões imediatas pelas as empresas Lan e Aerocondor para as cidades de Cuzco, berço do império Inca, e de Lima, capital do Peru. Cuzco é a capital arqueológica da América do Sul. Possui hoje em torno de 300 mil habitantes e está a 3, 3 mil metros acima do nível do mar.

Serão quatro vôos semanais — toda segunda e sexta, ida e volta — oferecidos Rio Branco Aéreo Táxi, em parceria com as agências de viagens filiadas à ABAV no Acre, Rondônia e Amazonas. O vôo abre mais uma oportunidade para que turistas brasileiros conheçam a cultura Inca — em particular a cidade milenar Cuzco e a mística Machu Picchu — e os turistas peruanos e estrangeiros que estejam no Peru, visitem o Acre, a terra do líder ecologista Chico Mendes, e outros destinos amazônicos.

                   Pacotes exclusivos

                  As passagens podem ser adquiridas exclusivamente com os
                  agentes de viagem cadastradas no Acre, Rondônia e Amazonas,
                  adquirindo qualquer trecho de forma independente ou pacotes
                  turísticos exclusivos, inicialmente ofertados para de três
                  noites e quatro dias (saídas as sextas-feiras) ou de quatro
                  noites e cinco dias (saídas as segundas-feiras) para Cuzco e
                  Machu Picchu. 

                  Os pacotes incluem passagens Rio Branco—Pueto Maldonado—Rio
                  Branco aéreo em avião Bandeirantes ; Puerto
                  Maldonado—Cuzco—Puerto Maldonado em avião Airbus (Lan) ou
                  Boeing (Aerocondor); transfer, hospedagem em categoria
                  econômica, apartamento duplo, city tour com guia, transfer
                  hotel - estação de trem - hotel; trem econômico com ingresso à
                  Machu Picchu (sem almoço). Esses pacotes saem em média por R$
                  1.870,00. Quem quiser conhecer outras regiões do Peru terá a
                  oportunidade. As empresas oferecem pacotes com outros 
                  roteiros no Peru, entre os quais Puno e seu lago Titicaca,
                  Arequipa com o Cânion de Coca, Linhas de Nazca e Lima.                 

                  Optando pela viagem ao Peru, o turista terá ainda a
                  oportunidade de conhecer um pouco mais a Amazônia.  Existem
                  belíssimas rotas turísticas em Rondônia (Caminho das Águas,
                  Pesca Esportiva, Baixo Madeira e Nos trilhos da Mad Maria), no
                  Amazonas (Roteiro do Boi-Bumbá, Roteiro das Cachoeiras,
                  Encontro das Águas, Floresta Verde e Encontro da Cultura e da
                  História) e no Acre (Caminhos da Revolução, Caminhos de Chico
                  Mendes, Caminhos do Pacífico e Caminhos da Aldeia e da
                  Biodiversidade). 

                  Integração amazônica

                  Segundo o secretário de Esporte, Turismo e Lazer do Acre,
                  Cassiano Marques, o vôo é uma iniciativa para consolidar a
                  rota internacional Amazônia—Andes—Pacífico, no âmbito do
                  Projeto Integrado de Turismo na Região Amazônica. Esse
                  programa é liderado pelo Sebrae na região e pelos órgãos
                  estaduais de turismo. Marques é vice-presidente Norte do Fórum
                  Nacional de Secretários e Dirigentes de Turismo (Fonatur) e
                  foi um dos articuladores do novo vôo, lançado na última semana
                  pela ABAV em Rio Branco , Porto Velho, Manaus, Cuzco e Puerto
                  Maldonado.

                  Marques diz que o novo vôo representa a abertura de nova rota
                  turística internacional de grande importância para aumentar o
                  turismo na Amazônia e, especialmente, no Acre. "Estamos
                  trabalhando para integrar essa rota internacional aos destinos
                  do nosso estado do Acre, de Rondônia e Amazonas, de modo a
                  incrementar o ingresso de turistas na nossa região, aliando
                  numa mesma viagem a oportunidade de se conhecer duas das mais
                  belas regiões do planeta: os Andes e a Amazônia". 

                  Mais informações:
                  Secretaria Executiva de Turismo do Acre
                  Rua Silvestre Coelho, 280, Bairro Bosque,
                  Rio Branco – Acre – Brasil
                  www.ac.gov.br
                  turismo@ac.gov.brEste                
 

Mais Sobre Turismo

Monte Gordo, um paraíso para veraneio,  a 322 quilômetros de Lisboa

Monte Gordo, um paraíso para veraneio, a 322 quilômetros de Lisboa

A cidade de Monte Gordo, a 322 quilômetros de Lisboa, é um dos principais destinos turísticos do Algarve. Tornou-se conhecida pelas praias com tempera

Municípios do novo Mapa do Turismo Brasileiro serão validados até 30 de julho

Municípios do novo Mapa do Turismo Brasileiro serão validados até 30 de julho

Os governos estaduais têm até o próximo dia 30 de julho para validar a atualização do Mapa do Turismo Brasileiro 2019-2021, que vem sendo cadastrada n

MTur reabre inscrições para curso gratuito de atendimento ao turista para todo o Brasil

MTur reabre inscrições para curso gratuito de atendimento ao turista para todo o Brasil

Trabalhadores que já atuam ou pretendem ingressar no setor turístico terão uma nova chance de aprimorar conhecimentos, melhorar o currículo e contribu

Rondônia mostrará ao Brasil suas potencialidades turísticas, até mesmo aquelas desconhecidas da sua própria população

Rondônia mostrará ao Brasil suas potencialidades turísticas, até mesmo aquelas desconhecidas da sua própria população

Rondônia fará o mesmo que os peruanos: mostrará ao Brasil suas potencialidades turísticas, até mesmo aquelas desconhecidas da sua própria população. O