Porto Velho (RO) sábado, 21 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Saúde

Estratégias no combate a Dengue na capital



Aurimar Lima 

A secretaria municipal de Saúde (Semusa) de Porto Velho iniciou em parceria com a Energia Sustentável do Brasil (ESBR) uma série de ações para o controle da dengue. As equipes de profissionais da saúde do distrito de Jacy-Paraná iniciaram as etapas de sensibilização na comunidadeEstratégias no combate a Dengue na capital - Gente de Opinião e acompanhamento das famílias. Em Porto Velho houve a inclusão dos alunos das Escolas municipais Cora Coralina e Joaquim Vicente Rondon, no processo de combate a endemia. Foi realizado um concurso de redações e desenhos sobre o assunto e palestras, no intuito de envolvê-los nas ações educativas prestadas à comunidade.}

O secretário da Semusa Williames Pimentel pretende nestas ações desenvolver uma grande mobilização com material educativo, voltada principalmente ao público infanto-juvenil. “Temos como parceiras, grandes instituições preocupadas com a saúde pública, como o Ministério Público, por isso acreditamos numa grande mobilização da sociedade para deixarmos de ser uma região de risco”, disse. A empresa parceira disponibilizou cinco conteiners para coleta de lixo durante 30 dias, prazo de desenvolvimento das ações educativas e ainda para o mutirão nos bairros onde é feito o controle vetorial e tratamento de criadouros.

A coordenadora do departamento de Vigilância Epidemiológica e Ambiental da Semusa, Rute Bessa Pinto, informou que a secretaria trabalha com dados do Levantamento de Índice Rápido de Aedes aegypti – LIRAa, que teve o último resultado baseado nas pesquisas realizadas no período de 06 a 21 de outubro de 2010, na zona Urbana de Porto Velho. “O levantamento é a metodologia estabelecida pelo Ministério da Saúde desde o ano de 2005 e consiste na formulação de dados amostral, de um percentual de imóveis do município determinantes no Índice de Infestação Predial [IIP], pelo mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue” explicou.

Em Porto Velho, a metodologia foi pactuada no Conselho Municipal de Saúde, sendo utilizado para o conhecimento e adoção de medidas de controle. A partir de 2010 foram realizados três levantamento anuais, sendo o primeiro no mês de março, o segundo em maio e o terceiro, por ocasião do LIRAa nacional, em outubro.

Bairros

As pesquisas foram realizadas nos bairros Nacional, São Sebastião, Costa e Silva, Pedrinhas, Panair, Liberdade, São João Bosco, Nossa Senhora das Graças, São Cristovão, Olaria, Arigolândia, Caiari, Mocambo, Santa Bárbara, Km 01, Centro, Baixa da União, Areal, Tucumanzal, Tupi, Triângulo, Roque, Mato Grosso, Areia Branca, Novo Horizonte, Cidade do Lobo, Cidade Nova, Conceição, Eletronorte, Nova Floresta, Floresta, Caladinho, Eldorado, Cohab, Castanheira, Aeroclube, Lagoa, Nova Porto Velho, Agenor de Carvalho, Embratel, Flodoaldo Pontes Pinto, Setor Industrial, Rio Madeira, Nova Esperança, Aponiã, Planalto, Teixeirão, Igarapé, Escola de Polícia, Tiradentes, Cuniã, Lagoinha, Tancredo Neves, Três Marias, JK, Cascalheira, Socialista, São Francisco, Jardim Santana, Ronaldo Aragão, Marcos Freire, Mariana, Ulisses Guimarães e Cidade Jardim.

A Semusa iniciou uma programação de aplicação de UBV, vulgo fumacê, nos bairros da cidade desde o dia 17, conforme cronograma abaixo:


 

Bairros

 Data/Ciclo

 Período

Nacional

São Sebastião

Costa e Silva

Pedrinhas

Panair

 

17 a

19/11/2010 -1º Ciclo

26,27 e 29/112010 -2º Ciclo

06 a 08/12/2010 - 3º Ciclo

 

 

Tarde

 

Liberdade

São João Bosco

N. Srª das Graças

São Cristóvão

 

20,22 e 23/11/2010 - 1º Ciclo

30/11 á 02/12/2010 - 2º Ciclo

09 á 11/12/2010 – 3º Ciclo

 

 

Manhã

 

Socialista

São Francisco

Jardim Santana

 

13 a

15/12/2010 – 1º Ciclo

22 a 24/12/2010 – 2º Ciclo

03 a 05/01/2011 – 3º Ciclo

 

Tarde

Olaria

Arigolandia

Caiari

Mocambo

Santa Bárbara

Km 1

Centro

 

16 a18/12/2010 - 1º Ciclo

27 a

29/12/2010 - 2º Ciclo

05 a 07/01/2011 - 3º Ciclo

 

 

 

Manhã


Mais Sobre Saúde

Rondônia - Por determinação do Ministério Público e Tribunal de Contas, Sesau implanta folha de ponto eletrônica

Rondônia - Por determinação do Ministério Público e Tribunal de Contas, Sesau implanta folha de ponto eletrônica

A instalação de folha de ponto eletrônica em unidades de saúde da rede pública estadual é adotada pelo governo de Rondônia em cumprimento à determinaç

Sílvia cobra ação mais efetiva do Ministério da Saúde na prevenção contra o cânce

Sílvia cobra ação mais efetiva do Ministério da Saúde na prevenção contra o cânce

A deputada federal Silvia Cristina (PDT-RO) cobrou do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, o início imediato de operação para acelerar o proje

Presidente Laerte Gomes sugere menos burocracia para tratar impasses no convênio entre Sesau e Hospital do Amor

Presidente Laerte Gomes sugere menos burocracia para tratar impasses no convênio entre Sesau e Hospital do Amor

Uma reunião para tratar de impasses quanto ao convênio entre o Governo de Rondônia e a Fundação Pio XII – Hospital de Câncer de Barretos foi realiza

Justiça de Rondônia libera o cultivo de Cannabis para casal tratar da filha com autismo e epilepsia, em Ji-Paraná

Justiça de Rondônia libera o cultivo de Cannabis para casal tratar da filha com autismo e epilepsia, em Ji-Paraná

Os pais de uma criança com diagnóstico de Transtorno do Espectro Autista Infantil (CID 10 F84.0), com crises graves de epilepsia, obtiveram, mediante