Porto Velho (RO) quinta-feira, 18 de agosto de 2022
×
Gente de Opinião

Vinício Carrilho

Direitos Fundamentais do Futuro


Direitos Fundamentais do Futuro - Gente de Opinião

Como é que vamos discutir seriamente Direitos do futuro, quando o presente é atormentado pelo que de pior havia no passado?

Direitos do futuro para quem? Para a humanidade ou para a liberdade de se extrair ainda piores níveis de “mais-valor”?

Mais-valia onírica?

Os direitos de propriedade sobre a Inteligência Artificial (IA) não pertencem à Humanidade[1]?

A IA resultou de geração espontânea?

Haverá realmente seriedade nesse tipo de discussão jurídica – propriedade intelectual da IA, direitos fundamentais da IA –, quando sequer pensamos em incutir ÉTICA na programação?

No fundo me parece como discutir "sexo dos anjos" ou direitos do espírito reencarnado.  

Os gênios de inteligências artificiais sofrem do que o jovem Marx chamou de Alienação e Fetiche da mercadoria:

– Para boa parcela da humanidade (alienada), a inteligência efetivamente parece algo artificial.

–– tão distante que logo compraremos porções de QI no supermercado de replicantes (ou das sobressalentes porcarias). 

A IA é apenas uma mercadoria criada pelo Homem, como o sabonete e a vacina. 

A diferença é a quantidade e a qualidade do trabalho imaterial investido:

– ou as porções do trabalho vivo e criativo do técnico e do cientista, projetados na sua criatura mais bizarra.  

No mais, a IA é resultado da nossa inteligência; fora disso é fetichismo: 

– ou se trata de uma forma de dominação futura (presente), bastante distópica, Autocrática, como de resto é o trabalho morto invertido nas mercadorias?

–– não será o resultado da opressão que subordina a exploração da força de trabalho no século XXI? 

Para mim, esse tipo reduzido de discussão jurídica é equivalente à defesa do direito do Capote, de Gogol, ser engomado. Ou seja, parece-me um limiar entre Alienação e alucinação. 


[1]Cf. https://www.uol.com.br/tilt/colunas/para-onde-o-mundo-vai/2022/03/20/patente-para-inteligencia-artificial-ia-protecao-legal-invencao-criacao.htm.

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Vinício Carrilho

11 de Agosto X 7 de Setembro - No passado era assim

11 de Agosto X 7 de Setembro - No passado era assim

No ano passado, o ensaio fotográfico (nada fotogênico) tinha um tanque fumacê. É possível que neste bicentenário da Independência, a coreografia seja

“Viva a Democracia!!”

“Viva a Democracia!!”

Em 2016-17, o lema era "Fascistas não passarão!!". Com certeza havia uma lembrança da Guerra Civil Espanhola. Todos nós sabemos que os fascistas pass

Ah...a Democracia que sempre tive

Ah...a Democracia que sempre tive

A Democracia é um campo de Girassóis, floresce com nosso olhar, reflete nosso cuidado ou contemplação. As flores são assim, o amor é assim. Não basta

Viva a Democracia!!

Viva a Democracia!!

Em 2016-17, o lema era "Fascistas não passarão!!". Com certeza havia uma lembrança da Guerra Civil Espanhola. Todos nós sabemos que os fascistas pass