Porto Velho (RO) quinta-feira, 12 de dezembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política

Rondônia pode ter prejuízos culturais e financeiros, diz Jesualdo Pires


 

As riquezas do sitio arqueológico de Santo Antônio, onde será construída a primeira Usina Hidrelétrica de Rondônia, correm risco de serem enviadas para o Estado do Acre causando prejuízos ao Estado. O fato foi denunciado pelo deputado estadual de Ji-Paraná, Jesualdo Pires (PSB) ao discursar na tribuna da Assembléia Legislativa. Jesualdo afirmou que os prejuízos não serão somente culturais, mas também financeiros.

Conforme o deputado, as peças encontradas durante a salvação arqueológica não trata apenas de objetos retirados da terra, mas sim de um extenso material histórico que servirá para fomentar a pesquisa e produzir novos conhecimentos sobre a ocupação de nosso Estado. "As peças históricas devem ficar em Rondônia e servir de atrativo turístico em exposição de museu e aos cuidados de uma instituição de pesquisa, como a Universidade Federal de Rondônia que prevê para os próximos anos a implantação do curso de Arqueologia e de um Centro Tecnológico para esses fins", ressaltou o deputado.

As peças estão na iminência de serem levadas para o Acre porque, segundo afirmou recentemente a equipe de arqueólogos da empresa responsável pela obra, que o Estado de Rondônia não teria uma instituição apta a zelar pelas peças e por esse motivo, os artefatos seriam encaminhados ao Acre.

Jesualdo, porém, discordou e reiterou que a Unir de Rondônia tem todas as prerrogativas para cuidar do acervo. Ainda conforme o deputado, a legislação que trata do assunto prevê que a empresa construtora é obrigada a dar contrata partidas e financiar a implantação de centros de pesquisa no local de origem das peças.

Jesualdo propôs que uma comissão de deputados acompanha passo-a-passo as obras das hidrelétricas e faça audiências para debater a questão arqueológica a fim de evitar a retirada das peças para outro Estado. "Não podemos deixar que o Estado de Rondônia sirva de barriga de aluguel gerando riquezas para outros Estados. Temos a obrigação como representantes do povo de fazer com que os benefícios dessa obra fiquem em Rondônia", finalizou.

Fonte: Emanuel Marques

Mais Sobre Política

Importante conquista para Rondônia: Presidente Bolsonaro assina MP da Regularização Fundiária.

Importante conquista para Rondônia: Presidente Bolsonaro assina MP da Regularização Fundiária.

Para o presidente Jair Bolsonaro e o governador Marcos Rocha o objetivo da Medida Provisória é a de simplificar e modernizar o processo. Ao todo, ma

Assembleia Legislativa limpa a pauta antes de aprovar o Orçamento 2020

Assembleia Legislativa limpa a pauta antes de aprovar o Orçamento 2020

Na sessão ordinária e nas extraordinárias realizadas na tarde desta terça-feira (10), além de aprovar o Orçamento 2020 e apreciar os vetos do Execut

 Vereadora Cristiane Lopes e SINJOR realizam evento sobre medida que extingue registro profissional

Vereadora Cristiane Lopes e SINJOR realizam evento sobre medida que extingue registro profissional

Jornalistas de Porto Velho reuniram-se na Câmara Municipal de Porto Velho, para discutir os efeitos da Medida Provisória 905/2019, que extingue a

Governo atende pedido do deputado Adelino Follador e abre processo seletivo na Idaron

Governo atende pedido do deputado Adelino Follador e abre processo seletivo na Idaron

O pedido foi apresentado ao governador Marcos Rocha (PSL) pelo deputado Adelino Follador (DEM), após visitas nas sedes das Agências de Defesa Sanitári