Porto Velho (RO) sexta-feira, 18 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Política

Prefeitura vai capacitar mulheres para o Gerenciamento de Negócios


A Prefeitura de Porto Velho começa ainda este mês, uma nova modalidade de curso de capacitação. Desta vez voltado para as mulheres que já atuam em alguma área comercial. Elas vão aprender como gerenciar, produzir e comercializar seu próprio negócio. O curso vai ser desenvolvido através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Socioeconômico.

As 200 vagas disponíveis vão ser distribuídas em várias áreas de atuação, em dois pólos: um na zona Norte da cidade, abrangendo os bairros Pedrinhas, Novo Estado, Balsa, São Sebastião I e II, Costa e Silva e Nacional. Na zona Leste vão ser beneficiados os bairros Tancredo Neves, JK I, II e III, São Francisco, Pantanal, Jardim Santana, Três Marias, Socialista, Mariana, Marcos Freire e Ulisses Guimarães.

As mulheres têm atenção especial da Prefeitura, quanto à capacitação para o mercado de trabalho e melhoria da renda familiar. A estratégia agora é envolver a Coordenadoria de Políticas Públicas para Mulheres no programa de capacitação. “De acordo com os nossos levantamentos, percebemos que a maioria das mulheres quando começa um negócio próprio, por menor que seja, mas que vai trazer um aumento na sua renda familiar, não tem muito conhecimento de gerenciamento, o que impede melhor eficácia na comercialização de seus produtos. Então decidimos capacitar estas mulheres, para que possam concorrer no mercado de trabalho em igualdade de condição. Muitas vezes estas mulheres nem começam uma nova atuação profissional, por não saberem qual é a melhor forma de começar,” disse o coordenador do projeto, Carlos Oliveira.

A Semdes ainda está definindo a data e os locais onde vão ser ministrados os cursos. As mulheres que participarem da Capacitação e Organização de Iniciativas de Trabalho e Renda Geridos por Mulheres vão adquirir conhecimento nas áreas de circulação de mercadorias, desde o transporte, armazenamento, comercialização e agregação de valores, vão aprender as técnicas necessárias para auto gerirem suas atividades, bem como vão aprender como promover sua produção. As participantes dos cursos também vão aprender a planejar, executar e avaliar a melhor forma de gerir o seu empreendimento.

Ao final da capacitação devem surgir no mínimo quatro empresas coletivas autogestionárias (já consolidadas), que, em curto prazo, vão receber o apoio da Prefeitura para o fortalecimento desses empreendimentos, como acesso ao crédito, comercialização e mobilização dos produtos e serviços geridos por essas empresas.

Mais Sobre Política

Mariana Carvalho apresenta declaração sobre cobertura universal de saúde em assembleia da União Interparlamentar

Mariana Carvalho apresenta declaração sobre cobertura universal de saúde em assembleia da União Interparlamentar

Mais de 1700 parlamentares e parceiros da ONU e da sociedade civil de todo o mundo estão reunidos em Belgrado, na Sérvia, onde acontece a 141ª Assembl

Erro na tabela de vencimentos dos professores volta a ser discutido na Comissão de Educação

Erro na tabela de vencimentos dos professores volta a ser discutido na Comissão de Educação

A Comissão de Educação e Cultura (CEC), da Assembleia Legislativa, se reuniu na manhã desta quarta-feira (16), para deliberar projetos e voltou a di

Liderança na produção do cacau depende da vontade política, aponta debate

Liderança na produção do cacau depende da vontade política, aponta debate

A volta do protagonismo brasileiro na produção de cacau depende de mais investimentos em pesquisa e de ações como o fortalecimento da Comissão Executi

Projeto de Follador cria Passaporte Animal para trânsito em feiras e eventos

Projeto de Follador cria Passaporte Animal para trânsito em feiras e eventos

A exemplo da experiência de sucesso do Rio Grande do Sul, o deputado Adelino Follador apresentou nesta terça-feira (15) ao Plenário da Assembleia Le