Porto Velho (RO) quinta-feira, 28 de outubro de 2021
×
Gente de Opinião

Política

Inclusão do samba escolhe melhor bateria das escolas


O concurso acontece
na praça do Conjunto Cohab Floresta


Sílvio Santos

O Projeto Inclusão do Samba coordenado pela Fesec em parceria com a Prefeitura municipal via Fundação Cultural Iaripuna e governo estadual através da Secel, realiza na noite de hoje na praça do Conjunto Cohab Floresta, o Concurso que vai eleger a "Melhor Bateria das Escolas de Samba de Porto Velho".

O evento está marcado para iniciar às 18h com show do Grupo Samba de Roda, apresentação de mulatas e das rainhas das baterias das escolas de samba.
Os dirigentes de todas as escolas de samba estiveram reunidos na noite da última quinta-feira na Biblioteca Francisco Meirelles quando aprovaram o Regulamento do concurso.

Art. 1º - DA COMPETÊNCIA - O Concurso Melhor Bateria 2007 das Escolas de Samba de Porto Velho é uma realização da Fesec em parceria com a Fundação Iaripuna, Secel e Refrigerantes Rondônia, que acontece dentro do Projeto "Inclusão do Samba", a partir do ano de 2007.

Art. 2º - OBJETIVO - O concurso tem como objetivo incentivar, divulgar e promover a integração social entre as baterias das escolas de samba e as comunidades dos bairros periféricos de Porto Velho.

Art. 3º - PARTICIPAÇÃO - Podem participar as baterias das escolas de samba filiadas à Fesec.

Art 4º - DOS QUEISTOS EM JULGAMENTO - As baterias serão julgadas através dos seguintes quesitos: ORGANIZAÇÃO – HARMONIA – EVOLUÇÃO – RITMO.

ORGANIZAÇÃO – Observar o comportamento dos integrantes da bateria perante o comando do MESTRE.

HARMONIA - É a sincronia da batucada com o canto do samba
enredo da escola apresentado pelo puxador, inclusive em relação às
conversões (paradinhas) que devem ser feitas durante o canto do
samba.

EVOLUÇÃO - É a coreografia desenvolvida pelos integrantes da
bateria durante determinado momento da apresentação.

RITMO - Observar a constância do andamento do ritmo com o canto
do samba-enredo. Observando o que chamamos de atravessar o
samba, aqui também são observadas as chamadas viradas da bateria,
que consiste em voltar a candência original logo após as paradinhas
(conversões).

Art. 5º DAS NOTAS - Os julgadores devem dar NOTA entre 7 e 10, podendo essas notas serem fracionadas (7,1; 7,5; 8,2 até a máxima, 10).

Parágrafo único - Em caso de rasura, o julgador deve fazer uma justificativa ao lado da Nota ou na parte de baixo do mapa corrigindo a nota rasurada.

Art. 6º - SOLUÇÃ O EM CASO DE EMPATE - Em caso de empate, o quesito que serve de parâmetro para desempate pela ordem: harmonia, ritmo persistindo o empate será realizado sorteio para se definir a bateria campeã.

OBS – Os Mestres podem optar pela proclamação das baterias empatadas.

Art. 7º - DA DURAÇÃO DA APRESENTAÇÃO.

Cada bateria terá direito a 10 minutos para fazer sua apresentação.

Art. 8º - Cada bateria tem direito a nomear um representante junto à Comissão de Apuração e devem assinar o mapa de apuração.

Art. 9º - Após assinado o mapa de apuração, o resultado é tido como real por todos não podendo mais ser contestado.

Art. 10º - Os casos omissos serão discutidos junto à coordenação do Concurso.
Observação – As baterias devem trabalhar suas conversões, em cima do samba-enredo de cada escola para o carnaval de 2007.

Mais Sobre Política

Deputado Ismael Crispin chama atenção mais uma vez para importância dos psicólogos e assistentes sociais nas escolas públicas

Deputado Ismael Crispin chama atenção mais uma vez para importância dos psicólogos e assistentes sociais nas escolas públicas

Durante a sessão ordinária desta terça-feira (26), o deputado Ismael Crispin chamou a atenção sobre o não cumprimento da Lei nº 13.935/2019, que dis

Relatório final da CPI tem 81 pedidos de indiciamentos

Relatório final da CPI tem 81 pedidos de indiciamentos

O relator da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia do Senado, Renan Calheiros (MDB-AL), incluiu nesta terça-feira (26) o senador Luís

Deputado propõe estímulo à qualificação técnica e profissional de jovens em situação de vulnerabilidade econômica em Rondônia

Deputado propõe estímulo à qualificação técnica e profissional de jovens em situação de vulnerabilidade econômica em Rondônia

O deputado estadual Anderson Pereira (PROS) encaminhou à Casa Civil e Secretaria do Estado de Assistência e Desenvolvimento Social (SEAS) um requeri