Porto Velho (RO) quarta-feira, 23 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Política

Governo deverá buscar alternativas às Usinas do Madeira, diz Dilma


A ministra chefe da Casa Civil, Dilma Roussef, admitiu ontem que o governo federal deverá buscar outras fontes de energia para suprir a demanda que seria atendida pelas Usinas do Rio Madeira. As obras das hidrelétricas estão atrasadas por precaução, segundo o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Renováveis (Ibama), para evitar futuros danos ao meio ambiente.

Em entrevista ao jornal televisivo "Bom Dia Brasil", da Rede Globo, Dilma reafirmou a necessidade de que novas fontes de energia estejam disponíveis ao País até 2012, para garantir seu crescimento econômico. Para ela, caso as licenças ambientais das usinas não sejam liberadas ainda neste mês, os empreendimentos só estarão concluídos em 2013, o que poderá representar um grande atraso ao Brasil.

"Se não sair (as usinas) até o final de maio, essa energia vai ser prorrogada para 2013. Acredito que todas as questões relativas às duas usinas - tanto a usina de Santo Antônio como a usina de Girau -, elas estão sendo bem encaminhadas, e nós esperamos uma solução", disse em resposta aos apresentadores.

"Se essa solução ocorrer até o final do mês, muito bem. Senão, nós tomaremos outras medidas".

Desde 2000, a população de Rondônia aguarda a autorização final do governo para a construção do gasoduto Urucu-Porto Velho, obra capaz de garantir sustentabilidade ao fornecimento de energia no estado. O início da obra, entretanto, está parado na burocracia do Executivo embora todas as licenças ambientais para o empreendimento já tenham sido concedidas pelos órgãos ambientais.

Atualmente a produção de energia nas duas usinas térmicas instaladas em Porto Velho é feita por meio da queima de 1,3 milhão de litros de óleo diesel por dia, de alto potencial ofensivo ao meio ambiente.

Com a instalação do gasoduto e a chegada do gás natural na capital de Rondônia, a eletricidade no estado seria mais limpa, mais barata e muito mais eficiente, conforme afirma o deputado Moreira Mendes (PPS).

"O gás natural em Porto Velho vai representar a chegada do progresso em nosso estado", disse.

Bianca Lemos - Jornalista

Mais Sobre Política

Polícia Federal deflagrou a Operação Grand Bazaar, que  investiga fraude em fundos de pensão

Polícia Federal deflagrou a Operação Grand Bazaar, que investiga fraude em fundos de pensão

Por determinação do Supremo Tribunal Federal, a Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (21) a Operação Grand Bazaar, visando desarticular um “esquema cri

Ministério Público realiza reunião sobre os bairros Conceição e Flamboyant após intervenção de Cristiane Lopes

Ministério Público realiza reunião sobre os bairros Conceição e Flamboyant após intervenção de Cristiane Lopes

Após a vereadora Cristiane Lopes (PP) ir até o Ministério Público Estadual (MP/RO), para relatar os problemas das obras de pavimentação dos bairros Fl

Mariana Carvalho apresenta declaração sobre cobertura universal de saúde em assembleia da União Interparlamentar

Mariana Carvalho apresenta declaração sobre cobertura universal de saúde em assembleia da União Interparlamentar

Mais de 1700 parlamentares e parceiros da ONU e da sociedade civil de todo o mundo estão reunidos em Belgrado, na Sérvia, onde acontece a 141ª Assembl

Erro na tabela de vencimentos dos professores volta a ser discutido na Comissão de Educação

Erro na tabela de vencimentos dos professores volta a ser discutido na Comissão de Educação

A Comissão de Educação e Cultura (CEC), da Assembleia Legislativa, se reuniu na manhã desta quarta-feira (16), para deliberar projetos e voltou a di