Porto Velho (RO) quarta-feira, 23 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Política

ENCONTRO DISCUTE EDUCAÇÃO DO CAMPO EM RONDÔNIA


 
Discutir os desafios da educação do campo e a questão agrária em Rondônia é o que propõe o II Encontro Estadual do Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária (Pronera), que acontecerá nos dias 29 e 30 de maio, no auditório Paulo Freire, no campus da Unir de Porto Velho, promovido pelo Incra, MDA, Unir, Riomar, Fetagro e Escola Família Agrícola de Cacoal.

O Pronera apóia projetos de educação do campo, em áreas de reforma agrária, em todos os níveis de ensino, e está completando 10 anos de sua criação. Seu objetivo é fortalecer o meio rural como território de vida em suas dimensões: econômica, social, ambiental, política, cultural e ética. Atualmente, em Rondônia, atende a 1.700 alunos, em 22 municípios, com 112 professores.

Três palestras com debates estão programadas para o primeiro dia do evento (quinta-feira): "Imperialismo e questão agrária na Amazônia", com o professor da UFPA, Aluízio Lins Leal; "Estado, latifúndio e campesinato: contradições atuais em Rondônia", com o advogado da CPT-RO, Afonso Chagas; e "Políticas Públicas e Educação do Campo em Rondônia", com a professora da Unir e coordenadora do evento, Marilsa Miranda.

Na sexta-feira, serão discutidas as experiências de educação do campo em Rondônia, desde a alfabetização até o nível superior, com o curso Pedagogia da Terra, e a experiência de alternância, com as escolas família agrícola (EFA's) e escola popular. Entre as atividades paralelas, estão programadas apresentações de trabalhos acadêmicos, música e místicas.

10 anos

O Pronera nasceu em 1998 a partir da luta dos movimentos sociais e sindicais de camponeses pelo direito à educação com qualidade social. Desde então, milhares de jovens e adultos, trabalhadores e trabalhadoras das áreas de reforma agrária têm garantido o direito de alfabetizar-se e de continuar os estudos em diferentes níveis de ensino, promovendo a democratização do acesso à educação, a formação de educadores para as escolas de assentamentos e acampamentos e a formação técnico-profissional de nível médio e superior.

É operacionalizado de forma estratégica através da superintendência do Incra, em parceria com instituições públicas de ensino. Sua essência está na compreensão de que o modo de vida do povo do campo tem especificidades quanto à maneira de se relacionar com o tempo, o espaço, o meio ambiente, de organizar a família, a comunidade, o trabalho, a educação e o lazer, o que permite a criação de uma identidade cultural e social própria e novas possibilidades para descobrir e reinventar, democraticamente, relações solidárias e responsáveis no processo de reorganização sócio-territorial do campo.

Fonte: Jeane Machado

Mais Sobre Política

Polícia Federal deflagrou a Operação Grand Bazaar, que  investiga fraude em fundos de pensão

Polícia Federal deflagrou a Operação Grand Bazaar, que investiga fraude em fundos de pensão

Por determinação do Supremo Tribunal Federal, a Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (21) a Operação Grand Bazaar, visando desarticular um “esquema cri

Ministério Público realiza reunião sobre os bairros Conceição e Flamboyant após intervenção de Cristiane Lopes

Ministério Público realiza reunião sobre os bairros Conceição e Flamboyant após intervenção de Cristiane Lopes

Após a vereadora Cristiane Lopes (PP) ir até o Ministério Público Estadual (MP/RO), para relatar os problemas das obras de pavimentação dos bairros Fl

Mariana Carvalho apresenta declaração sobre cobertura universal de saúde em assembleia da União Interparlamentar

Mariana Carvalho apresenta declaração sobre cobertura universal de saúde em assembleia da União Interparlamentar

Mais de 1700 parlamentares e parceiros da ONU e da sociedade civil de todo o mundo estão reunidos em Belgrado, na Sérvia, onde acontece a 141ª Assembl

Erro na tabela de vencimentos dos professores volta a ser discutido na Comissão de Educação

Erro na tabela de vencimentos dos professores volta a ser discutido na Comissão de Educação

A Comissão de Educação e Cultura (CEC), da Assembleia Legislativa, se reuniu na manhã desta quarta-feira (16), para deliberar projetos e voltou a di