Porto Velho (RO) terça-feira, 21 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

TSE nega propaganda partidária do PAN em 2007


Agência O GloboBRASÍLIA - O Tribunal Superior Eleitoral (TSE), negou pedido de veiculação de propaganda partidária, para o ano de 2007, do Partido dos Aposentados da Nação (PAN), por ter sido requerido fora do prazo legal. O PAN protocolou o pedido ao TSE no dia 8 de fevereiro, enquanto o prazo limite era 15 de janeiro, de acordo com a legislação.Uma resolução do tribunal havia decidido que os pedidos encaminhados após o prazo previsto não serão conhecidos. A resolução alterou, de 1º de dezembro do ano passado para 15 de janeiro deste ano, "excepcionalmente", o prazo para apresentação dos pedidos de veiculação de programa pelos partidos.As datas escolhidas pelo PAN para veiculação do programa em bloco nacional, da propaganda partidária, no primeiro e no segundo semestre, eram os dias 8 de maio e 29 de novembro.

Mais Sobre Política - Nacional

Marco Aurélio libera para votação denúncia de racismo contra Bolsonaro

Marco Aurélio libera para votação denúncia de racismo contra Bolsonaro

Ministro Marco Aurélio Mello, do STF, liberou para a inclusão na pauta da 1ª Turma da corte o julgamento contra o candidato da extrema-direita a presi

Morre Otavio Frias Filho, diretor de redação do jornal Folha de S. Paulo

Morre Otavio Frias Filho, diretor de redação do jornal Folha de S. Paulo

O diretor de redação do jornal Folha de S. Paulo, Otavio Frias Filho, morreu nesta terça-feira no Hospital Sírio-Libanês em São Paulo, vítima de um câ

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

BLOG NOCAUTECom informações do Poder 360A Editora Abril, que já foi a maior do Brasil, acumulou dívidas de cerca de R$ 1,6 bilhão. Só na semana passad

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

O jornalista e escritor Palmério Dória denuncia em seu Twitter o cinismo escancarado do Grupo Globo em omitir o que ele chama de 'engenharia do caos';