Porto Velho (RO) terça-feira, 13 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

TSE garante registro a deputado citado em CPI


Raquel Miura, Agência o GloboBRASÍLIA - O Tribunal Superior Eleitoral derrubou agora há pouco uma decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Rio de Janeiro e garantiu o registro da candidatura de Reinaldo Gripp (PL) a deputado federal. É o primeiro recurso de um parlamentar citado pela CPI dos Sanguessugas julgado pelo TSE. Para o tribunal, o deputado ainda não foi julgado pela justiça e por isso tem o direito de disputar as eleições.O TRE do Rio havia negado o registro ao parlamentar com base nos princípios da moralidade e na vida pregressa do mesmo. Gripp, que tenta a reeleição para a Câmara, é acusado de participação na máfia das ambulâncias. Além dele, outros três deputados - Elaine Costa (PTB), Fernando Gonçalves (PTB) e Paulo Baltazar (PSB), que também tiveram as candidaturas impugnadas pelo TRE, já recorreram.A decisão do TSE sobre o recurso de Gripp foi rápida, em julgamento simbólico, com duração de 30 segundos. O resultado já era esperado uma vez que na quarta-feira o tribunal acolhera pedido do ex-deputado e presidente do Vasco, Eurico Miranda, e o autorizara a disputar as eleições deste ano. Eurico Miranda responde a nove processos na justiça, mas o TSE, depois um longo debate, entendeu que ele tinha o direito de se candidatar porque em nenhuma das ações há condenação definitiva da justiça.No caso dos sanguessugas, o próprio presidente do TSE, ministro Marco Aurélio Mello reconheceu que a situação dos parlamentares é mais confortável perante a Justiça Eleitoral, porque o processo ainda está em fase de inquérito e não há denúncia do Ministério Público.Ao acolher o recurso de Eurico Miranda e Reinaldo Gripp, o TSE sinaliza que não acatará pedido dos procuradores eleitorais do Mato Grosso, que tentam impedir a candidatura de seis parlamentares e um ex-senador, também citados nas investigações sobre a máfia das ambulâncias.

Mais Sobre Política - Nacional

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

A juíza federal substituta Gabriela Hardt negou, nesta terça-feira (13), o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que ele

Bolsonaro anuncia o general Fernando Azevedo e Silva para a Defesa

Bolsonaro anuncia o general Fernando Azevedo e Silva para a Defesa

A pasta seria ocupada inicialmente pelo general Augusto Heleno

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

O exame tem validade de cinco anos para condutores com menos de 65 anos.

Haddad, Ciro, Boulos e os rumos dos progressistas

Haddad, Ciro, Boulos e os rumos dos progressistas

Haddad, Ciro e Boulos precisam decidir se querem dar um passo em frente ou dois passos atrás.