Porto Velho (RO) sexta-feira, 22 de junho de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

TSE apura panfleto com nome de Lula e número do PSDB


Agência O GloboBRASíLIA - A coligação A Força do Povo, do candidato à reeleição Luiz Inácio Lula da Silva (PT-PRB-PC do B), entrou sexta-feira com uma representação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na qual pede a investigação e a punição dos responsáveis pela distribuição, em Pernambuco, de panfletos onde Lula aparece ao lado do número do candidato adversário, Geraldo Alckmin (PSDB-PFL).De acordo com o TSE, a representação acusa a coligação Por um Brasil Decente e Alckmin por suposta propaganda eleitoral irregular praticada na véspera e no dia do primeiro turno da eleição.O ministro Carlos Alberto Menezes Direito avaliará e julgará o caso, que já está sendo investigado pelo Ministério Público de Pernambuco.O Código Eleitoral define como crime, punível com detenção de dois meses a um ano ou pagamento de 120 a 150 dias-multa, divulgar fatos que se sabem inverídicos, em relação a partidos ou a candidatos, capazes de exercerem influência perante o eleitorado.

Mais Sobre Política - Nacional

Amigos de balada da faculdade são empregados por assessor de Bruno Covas

Amigos de balada da faculdade são empregados por assessor de Bruno Covas

 247 – Secretário-executivo de Bruno Covas, Gustavo Garcia Pires empregou um amigo de ‘balada’ e cinco colegas de turma de faculdade na prefeitura de

Bancos terão expediente hoje na parte da tarde

Bancos terão expediente hoje na parte da tarde

Horário foi alterado por causa do jogo da seleção às 9h

Cristiane Lopes vota favorável a auxílio fardamento para servidores do SAMU

Cristiane Lopes vota favorável a auxílio fardamento para servidores do SAMU

Para Cristiane Lopes, é muito gratificante fazer parte dessa conquista dos servidores do SAMU

 Mariana Carvalho comemora lei que permite inclusão dos servidores de ex – territórios nos quadros da União

Mariana Carvalho comemora lei que permite inclusão dos servidores de ex – territórios nos quadros da União

Cerca de 3 mil aposentados e pensionistas, além de 800 servidores que passaram em concurso antes da mudança de território em Rondônia serão inclusos n