Porto Velho (RO) quinta-feira, 27 de fevereiro de 2020
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Temer corta ainda mais verba para cultura e surpreende ministro


Temer corta ainda mais verba para cultura e surpreende ministro - Gente de Opinião

247 – Temer cortou, por meio de medida provisória, o percentual da cultura da loterias federais. A decisão surpreendeu o ministro da cultura, Sérgio Sá Leitão, que preparava junto à caixa Econômica Federal um projeto para alocar 3% da arrecadação das loterias para projetos culturais. De 3%, a parte destinada à cultura pode cair para 0,5% ou menos.

“Sá Leitão vinha se reunindo com a Caixa Econômica Federal para fechar uma minuta de projeto de lei que criaria editais do banco para destinar 3% da arrecadação das loterias a projetos culturais. A alocação do valor à área já estava prevista em lei, mas, no modelo vigente, a verba é depositada no Tesouro e acaba se perdendo. Sá Leitão e o presidente da Caixa já tinham reunião marcada com Temer para apresentar a proposta.

Por meio de medida provisória publicada nesta terça (12), Temer reduziu o percentual para a cultura nas loterias. Ele poderá cair para 0,5%.”

Leia mais aqui.

Veja Mais

Mais Sobre Política - Nacional

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Rede Brasil Atual - Deputados da oposição anunciaram hoje (5) que vão apresentar denúncia no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ministro da Edu

Jair Bolsonaro envia projeto que regulamenta exploração de terras indígenas

Jair Bolsonaro envia projeto que regulamenta exploração de terras indígenas

O presidente Jair Bolsonaro apresentou nesta quarta-feira (5) um projeto de lei (PL) para regulamentar a exploração de atividades econômicas em terras

Carta aberta ao Congresso Nacional pelas aprovações da PEC nº 108 de 2019ª

Carta aberta ao Congresso Nacional pelas aprovações da PEC nº 108 de 2019ª

Nos últimos anos voltou à tona a discussão sobre o excesso de regulamentação profissional no Brasil, numa   verdadeira afronta ao disposto no art. 5º,