Porto Velho (RO) segunda-feira, 18 de março de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Tasso e Ciro, antigos aliados, em campos opostos


Gerson Camarotti - Agência O GloboFORTALEZA - O segundo turno da campanha presidencial deve colocar em campos opostos dois antigos aliados: o presidente nacional do PSDB, senador Tasso Jereissati (CE), e o deputado federal eleito com a maior votação proporcional do país, Ciro Gomes. O governador eleito do Ceará, Cid Gomes (PSB), irmão de Ciro, avisou que vai se colocar numa trincheira para tentar ampliar a margem expressiva de vitória de Lula no estado. O presidente teve 71,22% dos votos cearenses, contra 22,79% do tucano Geraldo Alckmin. Foi o segundo melhor desempenho do petista no país.A estratégia já começou a ser elaborada. Será criado um grupo para reforçar a campanha de Lula no estado, que será coordenado pela prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins (PT), pelo senador eleitor Inácio Arruda (PCdoB), pelo ex-ministro das Comunicações e deputado federal Eunício Oliveira (PMDB) e por Ciro Gomes. Para demonstrar disposição, Cid afirmou que vai conciliar a transição de governo com a campanha presidencial, que será a sua prioridade.- Eu vou me colocar numa trincheira na defesa da reeleição do presidente Lula. Eu tenho aqui o sentimento da responsabilidade de procurar preparar um governo, e ao mesmo tempo já com um olhar no segundo turno da eleição presidencial, que nos coloca na trincheira da luta para que a gente consiga eleger o presidente Lula - avisou Cid.Para o governador eleito, foi uma surpresa o resultado do segundo turno na eleição presidencial. Mas Cid evitou comentar os erros da campanha nacional do PT.- Eu vi o segundo turno com tristeza. Eu esperava que Lula ganhasse no primeiro turno. Mas não cabe olhar para trás. Não tem que discutir. Tem que aceitar e agora trabalhar para que ele possa ser vitorioso no segundo turno - disse.

Mais Sobre Política - Nacional

Crimes eleitorais: Senadores têm projeto para reverter decisão do STF

Crimes eleitorais: Senadores têm projeto para reverter decisão do STF

Um projeto de lei que pretende reverter a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre processos da Lava Jato que envolvem crimes eleitorais associ

OAB e ABRAJI repudiam a agressão de Bolsanaro à jornalista

OAB e ABRAJI repudiam a agressão de Bolsanaro à jornalista

A Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji) e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) emitiram uma nota conjunta repudiando o ataque fe

Damares: Governo exigirá cadastro de famílias que optem por ensino domiciliar

Damares: Governo exigirá cadastro de famílias que optem por ensino domiciliar

Crianças farão avaliações periódicas, diz ministra em exclusiva à EBC

Respeito elementar

Respeito elementar

Lula é preso comum e deveria estar num presídio comum