Porto Velho (RO) quarta-feira, 21 de agosto de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Tarso garante que reforma ministerial já está pronta


Clic RBS, Maria Lima e Flávio Freire - Agência O GloboBRASÍLIA, PORTO ALEGRE e SÃO PAULO - O ministro das Relações Institucionais e futuro ministro da Justiça, Tarso Genro, garantiu na manhã desta quarta-feira que a reforma ministerial já está pronta na cabeça no presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Segundo ele, nos últimos dias, Lula teria avançado bastante na moldagem do Ministério, principalmente, depois de reuniões realizadas com líderes de PT, PV, PMDB e PDT.Sobre a possibilidade de Marta Suplicy aceitar o Ministério do Turismo, disse apenas que a petista "é um nome muito forte, muito qualificado".- Aquelas peças que faltavam para compor o xadrez estão todas arranjadas. Então, ele (Lula) pode desencadear imediatamente ou na semana que vem, fechando o Ministério (...) Posso dizer que o presidente detém hoje elementos completos. Sempre faltava algum, agora eles estão completos - afirmou Tarso, durante entrevista ao programa Gaúcha Atualidade, da Rádio Gaúcha.Nesta terça-feira, o Ministério das Relações Institucionais confirmou que Tarso será o novo ministro da Justiça, no lugar de Márcio Thomaz Bastos, que pediu para deixar o governo. A posse está marcada para as 9h de sexta-feira, e a transmissão de cargo, para as 11h. O mais cotado para ser o novo coordenador político é o atual ministro do Turismo, Walfrido Mares Guia.Durante a entrevista, Tarso deixou claro que não pretende fazer "alteração rupturista" na pasta. Ele afirmou ainda que seguirá auxiliando na articulação política:- Não retirando qualquer função das relações institucionais, mas tem a reforma política, que já vinha originariamente sendo tratada pelo Ministério da Justiça. Provavelmente eu fique vinculado ao presidente e ao Ministério das Relações Institucionais, dando impulso, fazendo a coordenação desse tema com o Congresso, a OAB e as demais forças da sociedade.Também na terça-feira, Tarso recebeu o presidente do PMDB, Michel Temer, que reivindica mais um ministério para a bancada do partido na Câmara, além da Integração Nacional, para a qual foi indicado Geddel Vieira Lima (BA). A nova pasta deve ser decidida no encontro que Temer terá na tarde desta quarta-feira com o presidente Lula. Quem também esteve com o ministro das Relações Institucionais foi o presidente nacional do PDT. Carlos Lupi disse que recebeu de Tarso a informação de que o partido estará no novo ministério. Cotado para a Previdência, Lupi acrescentou, no entanto, que não foi convidado oficialmente para assumir qualquer posto no governo.Um dia depois de Lula reunir a cúpula do PT e criticar a pressão por cargos, o presidente do partido, Ricardo Berzoini (SP), disse que não irá ao Palácio do Planalto nesta quarta, como previsto, para continuar as negociações sobre a participação do partido no Ministério. Berzoini disse que o PT já levou todos os nomes ao presidente e que cabe agora a ele decidir.Segundo o Blog do Noblat, a bancada do PT na Câmara já decidiu quem vai indicar para a reforma ministerial: os deputados Pedro Eugênio (PT-PE), para o Desenvolvimento Agrário, e Maurício Rands (PT-PE), para a Previdência. A ex-prefeita de São Paulo Marta Suplicy seria a indicada para o Ministério do Turismo. Os nomes precisam ainda passar pelo crivo da executiva.- Os nomes já estão lá e ele escolhe. O presidente conhece todos os nomes e tem condições de definir se algum vai para o seu Ministério. Esse assunto já está equacionado na executiva do partido, agora é o presidente quem decide. Não temos nenhuma indicação para tal lugar nem temos reivindicação de cargos específicos - afirmou Berzoini.

Mais Sobre Política - Nacional

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Implacável para condenar lideranças do PT na República de Curitiba, a Justiça brasileira não mostra o mesmo furor para investigar e julgar os tucanões

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que o anúncio da liberação de saques das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviç

A solução no Brasil passa por amenizar o atual estágio de “é de direita sou contra” x “se for de esquerda estou contra”

A solução no Brasil passa por amenizar o atual estágio de “é de direita sou contra” x “se for de esquerda estou contra”

A sociedade brasileira vive um processo de antagonismo e radicalização política sem precedentes na história. O radicalismo é tão intenso que beira ao

REFORMA DA PREVIDÊNCIA: "Proposta do relator sobre aposentadoria dos professores ainda não é justa", diz Jaqueline Cassol

REFORMA DA PREVIDÊNCIA: "Proposta do relator sobre aposentadoria dos professores ainda não é justa", diz Jaqueline Cassol

A deputada federal Jaqueline Cassol (PP-RO) criticou a proposta do relator da Reforma da Previdência, deputado Samuel Moreira (PSDB-SP), no que diz