Quarta-feira, 24 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Tarso diz que divulgação de fotos do dinheiro foi articulada por tucanos


Cristiane Jungblut - AgênciaO Globo BRASÍLIA - O ministro das Relações Institucionais, Tarso Genro, reagiu com irritação à divulgação de fotos mostrando o dinheiro apreendido pela Polícia Federal com integrantes do PT durante tentativa de compra de um dossiê contra o tucano José Serra. Tarso disse que se trata de uma divulgação ilegal, já que a investigação corre em segredo de Justiça, e uma articulação entre pessoas do PSDB e da Polícia Federal. O ministro disse que é uma tentativa desesperada das elites de tentar virar o jogo eleitoral na última hora. Tarso comparou o vazamento das fotos do R$ 1,7 milhão à divulgação, em 2002, de foto de dinheiro apreendido no comitê de Roseana Sarney, que disputava a Presidência da República pelo PFL, e ao caso do seqüestro do empresário Abílio Diniz, dono da rede Pão de Açúcar, em 1989. Na ocasião, os seqüestradores usavam camisetas do PT. - Isso é uma repetição da camiseta no seqüestro do Abílio Diniz. Uma tentativa desesperada de criar um fato novo, inclusive de maneira ilegal. E certamente decorreu de algum tipo de articulação de alguém do PSDB com alguém da PF. Isso é uma postura antidemocrática para desestabilizar o processo eleitoral, mas o povo brasileiro já tem experiência, e não iria se enganar novamente. É a mesma tentativa que as elites fazem para tentar virar o jogo na última hora - disse Tarso. O ministro reafirmou que, apesar de dirigentes da campanha de Lula e o ex-assessor da Presidência da República Freud Godoy terem sido citados entre os que teriam negociado a compra do dossiê, o episódio não tem nenhum impacto na reeleção do presidente. - Esse caso nada tem a ver com o presidente Lula, com sua candidatura, e é um fato circunscrito a São Paulo - disse o ministro, chegando a se irritar com pergutnas a respeito do impacto do escândalo na campanha do petista Aloizio Mercadante.

Gente de OpiniãoQuarta-feira, 24 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta sexta-feira (25) maioria de votos para determinar que a Câmara dos Deputados faça a redistribuição do

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

O Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SInagências) conseguiu uma solução direta do governo após intensa articulaç

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Reservas foi instaurada em Rondônia para investigar possíveis irregularidades nos processos de criação

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Na tarde dessa segunda-feira (06), o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), Paulo Pimenta, esteve r

Gente de Opinião Quarta-feira, 24 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)