Porto Velho (RO) domingo, 19 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

STF pode anistiar 10 mil políticos acusados de corrupção


Rodrigo Vizeu - Agência O GloboBRASÍLIA - O Supremo Tribunal Federal (STF) pode concluir nesta quinta-feira o julgamento de um recurso que, se aprovado, resultará na anistia de cerca de 10 mil políticos que exerceram cargos públicos e que agora respondem a processos de improbidade administrativa na Justiça comum. Em recurso enviado ao STF, o ex-ministro da Ciência e Tecnologia do governo FH Ronaldo Sardenberg pede anulação de uma decisão de primeira instância que o obriga a pagar pelo uso de um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) para atividades particulares. Sardenberg alega que, como ex-ministro, teria direito a foro privilegiado.Se concordar com Sardenberg, o STF beneficiará milhares de ex-autoridades que tiveram seus processos com denúncias de corrupção encaminhados para a Justiça comum. Qualquer político, seja ele ex-presidente da República, ex-governador, ex-prefeita ou até ex-vereador, terá direito, então, a foro privilegiado no Supremo. A possibilidade causou terror entre juristas.- O Supremo Tribunal Federal estará decretando a impunidade política no Brasil se decidir pela não aplicação da lei de improbidade aos agentes políticos - afirmou o presidente da Academia Brasileira de Direito Constitucional, Flávio Pansieri.No Congresso, o senador Pedro Simon (PMDB-RS) subiu à tribuna nesta quarta-feira para dizer que "o STF marcará de forma negativa a sua história" se decidir arquivar os milhares de processos de corrupção envolvendo políticos.- Há uma grande esperança percorrendo o país, no sentido de uma maior transparência por parte do governo e do Congresso, e seria lamentável que seja o próprio STF a transitar na contramão - afirmou o senador.

Mais Sobre Política - Nacional

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

BLOG NOCAUTECom informações do Poder 360A Editora Abril, que já foi a maior do Brasil, acumulou dívidas de cerca de R$ 1,6 bilhão. Só na semana passad

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

O jornalista e escritor Palmério Dória denuncia em seu Twitter o cinismo escancarado do Grupo Globo em omitir o que ele chama de 'engenharia do caos';

 Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

O desembargador do TRF-4 Rogério Fraveto, que em 8 de julho determinou a soltura do ex-presidente Lula, decisão que não foi cumprida, disse, em sua de

Grupo Abril pede recuperação judicial

Grupo Abril pede recuperação judicial

O grupo Abril entrou com um pedido recuperação judicial nesta quarta-feira (15); plano de recuperação judicial será mostrado aos credores em até 60 di