Porto Velho (RO) segunda-feira, 20 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Serra admite que economia dificulta enfrentamento de Lula


Marcel Frota, Agência O Globo SÃO PAULO - Em sabatina promovida nesta manhã, pelo jornal "O Estado de S. Paulo", o candidato ao governo paulista pelo PSDB, José Serra, admitiu que a política econômica do governo federal tem dificultado a tarefa do partido em derrotar o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Segundo Serra, o PSDB não conseguiu canalizar a indignação nacional contra os escândalos envolvendo o alto escalão do governo Lula porque o presidente tem utilizado a economia de forma oportunista. - Não conseguiu porque é difícil. Um dos problemas é pelo lado da economia. Com relação à cobrança de tudo aquilo que aconteceu, acho que é um tema fascinante, como é que, de repente, o país parece ter deixado de lado todos aqueles escândalos, todas aquelas transgressões a ética e tudo mais - disse Serra, que afirmou que nos próximos dias o PSDB vai subir o tom das críticas ao governo federal.- Uma coisa é indiscutível. A política econômica, chamemos assim, oportunista, tem seu papel nesse caso. Oportunista do ponto de vista fiscal, com a expansão de gastos correntes que tem um efeito eleitoral bom a curto prazo e ruim, para o país, a médio prazo - declarou o tucano, que destacou outros aspectos econômicos que teriam mantido o preço da cesta básica em baixa e ajudado a impulsionar a popularidade de Lula. - Isso aumenta o desafio, torna as coisas mais difíceis. Agora dificuldade não é impossibilidade - acrescentou Serra que disse acreditar na ida de Geraldo Alckmin ao segundo turno.

Mais Sobre Política - Nacional

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

BLOG NOCAUTECom informações do Poder 360A Editora Abril, que já foi a maior do Brasil, acumulou dívidas de cerca de R$ 1,6 bilhão. Só na semana passad

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

O jornalista e escritor Palmério Dória denuncia em seu Twitter o cinismo escancarado do Grupo Globo em omitir o que ele chama de 'engenharia do caos';

 Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

O desembargador do TRF-4 Rogério Fraveto, que em 8 de julho determinou a soltura do ex-presidente Lula, decisão que não foi cumprida, disse, em sua de

Grupo Abril pede recuperação judicial

Grupo Abril pede recuperação judicial

O grupo Abril entrou com um pedido recuperação judicial nesta quarta-feira (15); plano de recuperação judicial será mostrado aos credores em até 60 di