Segunda-feira, 15 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Sanitarista sofre resistência de setores do PMDB


Sanitarista que presidente quer na Saúde sofre resistência de setores do PMDB Agência O Globo RIO - Apesar de ser o favorito do presidente Luis Inácio Lula da Silva para ocupar a pasta da Saúde depois da reforma ministerial, o sanitarista José Gomes Temporão pode não conquistar o cargo. Naturalizado brasileiro, o português Temporão, de 55 anos, tornou-se, ao lado da ex-prefeita de São Paulo Marta Suplicy, uma das razões alegadas para o atraso da reforma ministerial do segundo mandato. Desde a última mudança no Ministério, em 2005, Lula defendia a nomeação do sanitarista para o Ministério da Saúde, mas o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e a bancada peemedebista resistiram. O deputado federal Saraiva Felipe (MG) assumiu e Temporão ficou com o cargo de secretário de Assistência à Saúde. - O Temporão é um quadro da saúde respeitado por todos, com experiência pública reconhecida e enorme condição de realizar um belo trabalho como ministro da Saúde - diz o governador Sérgio Cabral. Resistindo a pôr um político na Saúde, que tem um orçamento de R$ 66,3 bilhões para este ano e foi alvo de escândalos recentes, Lula insiste numa indicação técnica. Apesar da preferência de Lula por Temporão, sua nomeação não será fácil. Pelo contrário. A bancada da Câmara decidiu enviar ao presidente uma lista de indicados que, até o momento, já tem cinco nomes. Com isso, obrigaria o presidente a vetar os cinco deputados para nomear Temporão. Da lista de cinco deputados, quatro são médicos: Marcelo Castro (PI), Osmar Terra (RS), Moisés Avelino (TO) e Darcísio Perondi (RS). O quinto nome é o do economista Reinhold Stephanes (PR), ex-pefelista que já foi ministro da Previdência. (Leia a reportagem completa na edição deste domingo de O Globo Digital)

Gente de OpiniãoSegunda-feira, 15 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta sexta-feira (25) maioria de votos para determinar que a Câmara dos Deputados faça a redistribuição do

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

O Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SInagências) conseguiu uma solução direta do governo após intensa articulaç

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Reservas foi instaurada em Rondônia para investigar possíveis irregularidades nos processos de criação

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Na tarde dessa segunda-feira (06), o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), Paulo Pimenta, esteve r

Gente de Opinião Segunda-feira, 15 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)