Porto Velho (RO) domingo, 19 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Sanguessugas: Suassuna se livra até da censura verbal


Agência O Globo BRASÍLIA - Acusado pela CPI dos Sanguessugas de envolvimento com a máfia das ambulâncias, o senador Ney Suassuna (PMDB-PB) vai escapar até da censura verbal aprovada pelo Conselho de Ética do Senado. Semana passada, o líder do PMDB no Senado, Wellington Salgado (MG), que sucedeu a Suassuna no posto, conseguiu aprovar no colegiado apenas uma punição leve no lugar da cassação do mandato recomendada pelo relator, senador Jefferson Peres (PDT-AM).O presidente do conselho, João Alberto (PMDB-MA), chegou a anunciar, após o resultado, que marcaria ainda para esta semana a sessão para que fosse lido o texto de censura a Suassuna, que deveria ser uma espécie de repreensão ao senador paraibano. Mas sequer haverá reunião do órgão esta semana. Funcionários da secretaria do Conselho de Ética explicaram ontem que o colegiado irá considerar o voto em separado apresentado por Wellington Salgado como o texto da censura e a sessão que aprovou pena mais branda para Suassuna como a da reprimenda.O conselho utilizou brechas de seu regulamento para amenizar a situação de Suassuna. O artigo que trata das medidas disciplinares por quebra de decoro prevê que a censura verbal ao senador será aplicada pelo presidente do Senado, do Conselho de Ética ou até mesmo por um presidente de comissão. Os assessores explicaram ainda que, quando ocorrer nova reunião do órgão, a ata da sessão que aprovou censura será aprovada junto com o voto do senador Wellington, que será publicado no Diário do Senado.

Mais Sobre Política - Nacional

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

BLOG NOCAUTECom informações do Poder 360A Editora Abril, que já foi a maior do Brasil, acumulou dívidas de cerca de R$ 1,6 bilhão. Só na semana passad

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

O jornalista e escritor Palmério Dória denuncia em seu Twitter o cinismo escancarado do Grupo Globo em omitir o que ele chama de 'engenharia do caos';

 Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

O desembargador do TRF-4 Rogério Fraveto, que em 8 de julho determinou a soltura do ex-presidente Lula, decisão que não foi cumprida, disse, em sua de

Grupo Abril pede recuperação judicial

Grupo Abril pede recuperação judicial

O grupo Abril entrou com um pedido recuperação judicial nesta quarta-feira (15); plano de recuperação judicial será mostrado aos credores em até 60 di