Porto Velho (RO) domingo, 19 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Sanguessugas: Planam pode não ter sido única empresa envolvida


Agência O GloboBRASÍLIA - A Planam, até agora a principal beneficiada pelo esquema dos sanguessugas, pode não ter sido a única empresa a atuar na máfia que operava no Congresso Nacional para a venda de ambulâncias superfaturadas com emendas parlamentares ao Orçamento. De acordo com reportagem do jornal 'O Globo', publicada neste sábado, a CPI dos Sanguessugas investiga a existência de pelo menos três esquemas paralelos que disputavam com os donos da Planam os recursos provenientes de emendas parlamentares.A concorrência foi revelada pelo dono da Planam, o empresário Luiz Antônio Vedoin, em seu depoimento à Justiça Federal de Mato Grosso, que o jornal 'O Globo' teve acesso exclusivo. No depoimento de nove dias prestado em Mato Grosso, Luiz Antônio Vedoin, réu confesso, denunciou o envolvimento de 115 parlamentares no esquema. Os parlamentares são acusados de receber suborno para apresentar emendas direcionadas a licitações fraudulentas vencidas pela Planam e outras empresas da família Vedoin. O esquema teria surgido em 1999 e desde então vinha se ampliando. No início do ano, a organização teria tentado estender seus tentáculos ao Ministério da Ciência e Tecnologia.Nesta sexta-feira, o vice-presidente da CPI dos Sanguessugas, deputado Raul Jungmann (PT-PE), afirmou que o esquema dos sanguessugas nasceu em 1999, durante o governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, teve um crescimento expressivo em 2002, ano eleitoral, e continuou crescendo ao longo do governo Lula.- O esquema nasceu em 1999, durante o governo Fernando Henrique. É relativamente pequeno até 2002. Em 2002, explode. É um ano eleitoral e os parlamentares queriam dinheiro para as campanhas. A partir daí continua crescendo - disse Jungmann. Jungmann sustentou, no entanto, que é secundário saber se os sanguessugas desviaram mais dinheiro durante o governo de Fernando Henrique ou de Lula. Para ele, o foco da CPI tem que ser a produção de provas contra os sanguessugas, independentemente da coloração partidária ou origem de cada um.

Mais Sobre Política - Nacional

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

BLOG NOCAUTECom informações do Poder 360A Editora Abril, que já foi a maior do Brasil, acumulou dívidas de cerca de R$ 1,6 bilhão. Só na semana passad

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

O jornalista e escritor Palmério Dória denuncia em seu Twitter o cinismo escancarado do Grupo Globo em omitir o que ele chama de 'engenharia do caos';

 Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

O desembargador do TRF-4 Rogério Fraveto, que em 8 de julho determinou a soltura do ex-presidente Lula, decisão que não foi cumprida, disse, em sua de

Grupo Abril pede recuperação judicial

Grupo Abril pede recuperação judicial

O grupo Abril entrou com um pedido recuperação judicial nesta quarta-feira (15); plano de recuperação judicial será mostrado aos credores em até 60 di