Porto Velho (RO) sexta-feira, 18 de janeiro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Restituição de imposto de renda é adiada pela Receita Federal


Mônica Tavares - Agência O Globo BRASÍLIA - A Receita Federal adiou para a próxima quarta-feira, dia 17, o pagamento do 1º lote residual de restituições do Imposto de Renda da Pessoa Física, referente ao exercício de 2006. A restituição deveria ser creditada na rede bancária na segunda-feira, dia 15.Em nota à imprensa, a Receita Federal informou que foram incluídas indevidamente na relação 4 mil restituiçôes que serão retiradas deste lote. A previsão inicial era de que fossem pagas 116.381 restituições.Segundo a Receita, houve um erro de processamento de dados pelo Serviço Federal de Processamento de Dados - SERPRO. Por isso, o 1º lote residual está sendo reprocessado.A Secretaria da Receita Federal informou ainda que "lamenta o ocorrido e está envidando todos os esforços junto à empresa prestadora de serviços de processamento para a correção do erro ainda neste fim-de-semana".A Receita havia liberado a consulta a dois lotes residuais do Imposto de Renda e informado que os contribuintes que estão na malha fina saberiam se as restituições de 2004 e 2005 seriam liberadas. O Leão havia avisado ainda que as restituições liberadas no lote de 2004 terão correção de 43,92% - referentes à Selic acumulada entre maio de 2004 e janeiro de 2007. As restituições de 2005 serão corrigidas em 28,15% - referente à Selic acumulada entre maio de 2005 e janeiro de 2007.Como consultarA consulta aos lotes da malha fina pode ser feita via internet no site da Receita ( www.receita.fazenda.gov.br) ou pelo telefone 0300-780300. Basta informar o número do CPF.

Mais Sobre Política - Nacional

HASTA LA VISTA, BAMBINO

HASTA LA VISTA, BAMBINO

Césare Battisti buscou a proteção de Evo Morales, seu aliado de esquerda.

Jair Bolsanaro assina decreto e  pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

Jair Bolsanaro assina decreto e pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

A partir do decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro hoje (15), no Palácio do Planalto, cidadãos brasileiros com mais de 25 anos poderão compra

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

São casos exemplares que demonstram comportamentos opostos dos governos

Governo de Bolsanaro vai fazer pente fino em 2 milhões de benefícios do INSS

Governo de Bolsanaro vai fazer pente fino em 2 milhões de benefícios do INSS

O governo federal vai fazer uma auditoria em 2 milhões de benefícios pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que têm indícios de irregul