Porto Velho (RO) sexta-feira, 29 de maio de 2020
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Receita das empresas do setor de turismo pode chegar a R$ 100 bilhões, diz Embratur


Érica Ribeiro - Agência O Globo RIO - A receita do setor de turismo poderá chegar em 2007 a R$ 100 bilhões, segundo estimativas do diretor de estudos e pesquisas da Embratur, José Francisco Sales Lopes, feitas a partir do estudo "Economia do Turismo: análise das atividades característica de turismo", divulgado nesta-quarta pelo IBGE, em parceria com a Embratur. De acordo com o estudo IBGE, a partir de dados da pesquisa anual de serviços, a receita total das empresas da atividade turística foi de R$ 76 bilhões em 2003. - Se a gente colocar os números nessa perspectiva de 2003, teremos dados expressivos. Considerando que as receitas das empresas relacionadas ao turismo foi de R$ 76 bilhões, acreditamos que ela possa ultrassar os R$ 100 bilhões em 2007. Segundo Lopes, isso mostra que o turismo vai ocupando uma parcela expressiva da economia brasileira. Lopes disse ainda que a receita cambial de turismo bateu recorde histórico em 2006, com US$ 4,316 builhões, contra US$ 1,998 bilhão em 2002. Guilherme Teles, do Departamento de Comércio e Serviços do IBGE, explicou que o objetivo do estudo é identificar em um mesmo ano o perfil da economia nas atividades características do turismo com informações tanto da demanda como da oferta econômica, como também dos trabalhadores do setor. - As principais características que poderiam salientar está a participação das pequenas empresas, que não acontece, porém, para todos os setores. Existem setores, como o de alimentação, onde a participação é expressiva e em setores como transporte aéreo isso não é tão relevante. As atividades características de turismo têm relevância tanto no número de pessoas que ocupam como no número de empresas. Segndo Teles, no que diz respeito aos salários, as empresas menores pagam salários inferiores mas são intensivas em mão-de-obra. As pessoas empregadas tem menos nível de escolaridade no que se refere aos anos de estudo. A pesquisa também identificou que há uma predominância de empregos com carteira assinada. Para Teles, o grande número de pequenas empresas no setor de alimentação decorre da não necessidade de emprego de capital nesse segmento. O estudo mostrou que 81,49% das empresas que pertencem a atividades características do turismo são do segmento de alimentação, que emprega 65% do pessoal empregado no turismo. A receita média da alimentação é pequena e o aporte de capital no segmento também.

Mais Sobre Política - Nacional

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

A deputada federal Mariana Carvalho (PSDB-RO) defendeu nesta quinta-feira (2) as medidas que estão sendo aprovadas pela Câmara e pelo Senado no

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

O deputado federal Lucio Mosquini é o relator revisor da MP 924/2020, conhecida como MP do Enfrentamento do coronavírus. O Senador Eduardo Gomes també

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Rede Brasil Atual - Deputados da oposição anunciaram hoje (5) que vão apresentar denúncia no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ministro da Edu