Porto Velho (RO) quarta-feira, 20 de junho de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Questão ambiental impede a inauguração de um presídio


Agência o GloboOs agentes penitenciários estão em treinamento e as obras do prédio terminara, mas uma questão de meio-ambiente está impedindo a inauguração da penitenciária federal de Campo Grande, em Mato Grosso do Sul. A penitenciária foi construída ao lado de um lixão, lugar considerado pela Justiça impróprio e prejudicial para a saúde dos presos e dos funcionários. A inauguração já foi cancelada cinco vezes.A prefeitura de Campo Grande afirma que já está providenciando uma solução.- Nós temos já em fase final o processo licitatório para a contratação dos serviços de construção do novo aterro sanitário e desativação do antigo lixão - afirmou o procurador-geral de Campo Grande, Ernesto Borges Neto.O diretor do Departamento Penitenciário Nacional diz que um laudo do Ministério do Trabalho atesta que o local não traz risco a saúde e promete que a inauguração será ainda esse ano.- Não posso antecipar a data, mas nós queremos inaugurar agora em novembro ou começo de dezembro - disse diretor do Departamento Penitenciário Nacional, Maurício Kuehne.São 208 celas individuais onde ficarão condenados considerados perigosos, com um investimento de US$ 20 milhões. O Departamento Penitenciário Nacional não informa quantos agentes já trabalham aqui. Eles fazem a segurança do presídio vazio. Desde a convocação para o curso, os agentes já são considerados funcionários do Ministério da Justiça e recebem salário de quase R$ 4 mil. Só os agentes que estão designados para Campo Grande custam mais de R$ 800 mil por mês ao Governo Federal.

Mais Sobre Política - Nacional

Delfim Netto: “Próximo presidente vai ser impichado”

Delfim Netto: “Próximo presidente vai ser impichado”

Não é uma previsão catastrofista, garante, mas uma "leitura simples" a partir do que o sistema político-eleitoral foi capaz de produzir até hoje

Gleisi vence de goleada acusação farsesca: 5 a 0

Gleisi vence de goleada acusação farsesca: 5 a 0

Por unanimidade, a 2ª Turma do STF absolveu a senadora Gleisi Hoffmann, seu marido, o ex-ministro Paulo Bernardo, e o empresário Ernesto Kugler das ac

STF confirma julgamento da liberdade de Lula no dia 26

STF confirma julgamento da liberdade de Lula no dia 26

Após a convocação de uma sessão extraordinária para a próxima terça-feira, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal confirmou a inclusão na pauta

Pimenta avisa: CPI das delações fará seu trabalho

Pimenta avisa: CPI das delações fará seu trabalho

A quem interessa tolher o poder de investigação do Parlamento brasileiro?