Porto Velho (RO) quarta-feira, 23 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

PT vai cobrar dívida de R$ 30 milhões de filiados


Luiza Damé - Agência O GloboBRASÍLIA - O PT vai cobrar uma dívida estimada em R$ 30 milhões de 4.200 filiados ocupantes de cargos de confiança no governo federal, visando reduzir o déficit do partido que é de R$ 48 milhões. Segundo o secretário de Finanças do PT, Paulo Ferreira, a meta do partido é renegociar a dívida desses servidores e garantir que eles passem a contribuir mensalmente, aumentando a arrecadação mensal dos atuais R$ 250 mil para R$ 1 milhão.Ferreira disse que a dívida dos filiados é referente aos quatro primeiros anos do governo Lula. Se os filiados não acertarem as contas com a tesouraria do PT, não poderão exercer suas funções partidárias, como votar em reuniões do partido.

Mais Sobre Política - Nacional

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que