Domingo, 14 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Procurador da Justiça Militar acusa controladores


Evandro Eboli - Agência O Globo BRASÍLIA - Designado para atuar nas investigações que apuram as causas dos graves problemas ocorridos recentemente nos aeroportos, o procurador-geral da Justiça Militar, Giovanni Rattacaso, acusou o presidente da Associação Brasileira de Controladores do Tráfego Aéreo, Wellington Rodrigues, de promover o "terrorismo" com intenção de encobrir eventuais erros dos controladores no caso do acidente com o Boeing da Gol. Para o procurador, o dirigente sindical, com seu comportamento, leva intranqüilidade à população. Rattacaso afirma que Rodrigues está manipulando os controladores. - Ele tem incitado e está gerando muita intranqüilidade, colocando a população em polvorosa. É um preço muito alto - disse o procurador. Giovanni Ratacasso disse que o presidente da associação, com esse comportamento, está tentando colocar uma "cortina de fumaça" nas investigações e tentando impedir que se apure o seu envolvimento no caso da colisão entre o Boeing da Gol com o Legacy. Rodrigues estava de plantão no dia 29 de setembro, data que ocorreu o acidente. - Jamais vou dizer se alguém é culpado ou inocente antes do inquérito concluído. Mas ele quer não só se proteger, mas como todos os outros controladores, como se o erro fosse do sistema aéreo do país, que é um dos melhores do mundo - disse. Rattacaso disse ainda que não se pode deixar a população enfrentar todos problemas que têm passado nos aeroportos por causa de "interesses escusos". Wellington Rodrigues divulgou nota afirmando que, no dia do acidente, exercia a função de instrutor e num setor diferente onde ficavam os controladores que acompanhavam o Legacy. Ele afirma que a entidade sente-se injustiçada com as acusações que tem recebido e que nunca incentivou movimentos reivindicatórios e atos de insubordinação. "A associação foi ao público explicar o que realmente estava acontecendo: homens que perderam a auto-estima e a confiança em situação de stress pós-traumático. O que foi compreendido como insubordinação", diz a nota. Rodrigues afirmou ainda que a associação não é composta por sindicalistas nem por baderneiros e que está preocupada exclusivamente com a segurança de quem controla e de quem voa.

Gente de OpiniãoDomingo, 14 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta sexta-feira (25) maioria de votos para determinar que a Câmara dos Deputados faça a redistribuição do

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

O Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SInagências) conseguiu uma solução direta do governo após intensa articulaç

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Reservas foi instaurada em Rondônia para investigar possíveis irregularidades nos processos de criação

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Na tarde dessa segunda-feira (06), o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), Paulo Pimenta, esteve r

Gente de Opinião Domingo, 14 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)