Porto Velho (RO) domingo, 18 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Presidente da Petrobras diz estar indignado e chama repórter de irresponsável


Agência O GloboRIO - O presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, convocou uma entrevista coletiva nesta terça-feira para contestar as recentes reportagens que vincularam os convênios da Petrobras com ONGs ligadas ao PT e ao MST. Gabrielli abriu o encontro com um pronunciamento em que procurou diminuir a importância dos valores dos contratos citados nas reportagens.- Nosso investimento (R$ 22,6 bilhões) tem impacto enorme na economia. E as matérias falam em contratos de R$ 31 milhões. É completa irrealidade e falsidade. Temos 70 mil fornecedores. Uma quantidade gigantesca. Escolher, entre eles, alguém que tenha alguma vinculação é a coisa mais fácil que tem.Gabrielli foi agressivo e chamou um dos repórteres do jornal O Globo de irresponsável. Ao ser perguntado se a Petrobras mostraria pelo menos um dos contratos com ONGs, voltou a exibir a sua irritação:- Evidentemente, você não é uma pessoa bem-vinda aqui - respondeu o presidente da maior estatal do país.O presidente da Petrobras afirmou estar "indignado" e "revoltado" com as reportagens publicadas pelo GLOBO e pela "Folha de S.Paulo" sobre as ligações políticas da estatal. Ele disse ainda que as reportagens fazem ilações, e que ele também poderia fazer algumas, citando a apresentação pelo senador Heráclito Fortes de requerimento de criação de CPI para investigar ONGs.- Eu poderia, por exemplo, fazer uma ilação de que há coincidência muito grande entre a posição do PFL neste momento e o que você está fazendo. Poderia dizer que você está trabalhando para o PFL.Em nenhum momento da coletiva, convocada para responder às denúncias, Gabrielli entrou no mérito das reportagens. Para justificar alguns contratos, o presidente citou números.- Montamos 750 cursos em 5.400 turmas espalhadas em todos os estados, que vão treinar 70 mil pessoas. Os recursos são repassados diretamente às instituições que darão o curso. Nada passa pelas empreiteiras. O que saiu é fantasioso e mentiroso.Em nenhum momento, contudo, o presidente explicou as vinculações da ONGs e de empreiteiros favorecidos com os recursos da empresa.

Mais Sobre Política - Nacional

O registro de plantas e flores ornamentais será debatido no Senado

O registro de plantas e flores ornamentais será debatido no Senado

Pelo projeto, o produtor que desenvolver uma nova cor de orquídea pode ser liberado da inscrever o produto no RNCA Comissão de Agricultura e Reforma A

 JUSTIÇA SUÍÇA APONTA R$ 43,2 MILHÕES EM FINANCIAMENTO ILEGAL DE SERRA

JUSTIÇA SUÍÇA APONTA R$ 43,2 MILHÕES EM FINANCIAMENTO ILEGAL DE SERRA

Dinheiro para financiar a campanha presidencial do PSDB

Jair Bolsonaro diz que programa Mais Médicos não será suspenso

Jair Bolsonaro diz que programa Mais Médicos não será suspenso

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, disse ontem (14) que manterá o programa Mais Médicos e vai substituir os cerca de 8.500 profissionais cubanos p