Porto Velho (RO) quarta-feira, 23 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Presidente da Gol anuncia que haverá contratações


Ione Luques, Agência O GloboRIO - Ao anunciar a compra da Varig pela Gol, o presidente Constantino de Oliveira Júnior deu uma ótima notícia para os aeronautas. Em nota enviada à imprensa, Constantino afirmou que a Gol irá, em médio prazo, dobrar a frota atual da companhia, de 17 para 34 aeronaves.- Haverá expansão na oferta de postos de trabalho no setor e a demanda será ainda melhor atendida, afirmou.Para a presidente do Sindicato Nacional dos Aeronautas, Graziella Baggio, a compra da Varig pela Gol está vindo em um bom momento, se analisarmos o processo como uma forma de a empresa voltar a crescer e se tornar uma opção para o usuário, que, nos últimos meses, vem sendo penalizado pelo caos aéreo.Apesar de ainda não ter obtido todas as informações sobre o processo para manifestar uma posição oficial, ela afirmou que, se toda a arquitetura anunciada for legal juridicamente, os aeronautas estão apoiando a iniciativa da Gol.Ao ser questionada sobre se a categoria temia novas demissões na empresa, Graziella Baggio advertiu que, mantendo o nome Varig, o comprador terá que herdar o atual quadro de 2.500 empregados. A presidente do Sindicato dos Aeronautas disse ainda que, caso se concretize a promessa de compra de novas aeronaves para aumentar a frota da Varig, esta será uma boa oportunidade para se empregar os trabalhadores que ainda não foram reabsorvidos pelo mercado. -Inclusive, temos um termo de compromisso que garante a contratação desses funcionários, concluiu.A Gol, no entanto, não vai pagar dívida da antiga Varig. O comunicado diz que "a Varig é a empresa formada a partir da Unidade Produtiva Isolada (UPI) da Varig, criada no âmbito do Plano de Recuperação Judicial da VARIG, Rio Sul e Nordeste (Empresas Recuperadas) e adquirida pela VarigLog no Leilão Judicial realizado em 14.7.2006. Nos termos da Lei de Recuperação de Empresas (Lei n. 11.101/2005), a UPI foi criada e alienada inteiramente livre de passivos de qualquer natureza (civis, trabalhistas, tributários, previdenciários etc.), devendo ser cumpridas as condições estabelecidas no Edital do Leilão, como forma de garantir o pagamento dos credores e a subsistência da Empresas Recuperadas".Um dos problemas desse passivo é o fundo de pensão Aerus, que, a partir de abril, não terá mais dinheiro para pagar os 4.400 beneficiários.

Mais Sobre Política - Nacional

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p

Para Marcos Rogério, Sínodo da Amazônia não pode ser uma reunião política e ideológica

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) pediu nesta segunda-feira (14/10) cautela aos participantes do Sínodo da Amazônia, realizado no Vaticano. Para o p

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que