Porto Velho (RO) terça-feira, 11 de dezembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Presidente da CNBB diz que não se pode aceitar o nível ao qual a corrupção chegou


Cristiane Jungblut - Agência O GloboMARIANA (MG) - O presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Dom Geraldo Majella, disse nesta quarta-feira que os políticos não parecem estar seguindo à risca a orientação do arcebispo de Mariana, Dom Luciano Mendes de Almeida, de priorizar a luta contra a pobreza. Em entrevista após o enterro de Dom Luciano, o presidente da CNBB disse também que a corrupção é motivo de preocupação, afirmando que hoje há um mau exemplo.- Não podemos conviver com a corrupção ao ponto que ela chegou. Mais do que nunca é preciso mudar a situação. Ela é um mau exemplo para todos, especialmente para o próprio povo, que, vendo que seus dirigentes estão assim tão envolvidos, como não se sentirão? - disse Majella.Questionado se a culpa pela corrupção era do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que participou do velório do religioso, Dom Geraldo Majella respondeu:- Colocar toda a culpa nele, não. Porque o bem se faz com a participação de políticos e de cidadãos, de eleitores, que devem votar com consciência.

Mais Sobre Política - Nacional

Bolsonaro pede, em diplomação, confiança daqueles que não votaram nele

Bolsonaro pede, em diplomação, confiança daqueles que não votaram nele

No discurso de diplomação, o presidente eleito, Jair Bolsonaro, prometeu hoje (10) governar para todos, sem qualquer distinção ou discriminaçao. Bo

BOLSONAROS - PATRIMÔNIO DE R$ 15 MILHÕES É SUSPEITO E TEM INDÍCIOS DE LAVAGEM

BOLSONAROS - PATRIMÔNIO DE R$ 15 MILHÕES É SUSPEITO E TEM INDÍCIOS DE LAVAGEM

O esquema Bolsonaro-Queiroz que emergiu na última quinta-feira (6) pode ser apenas a ponta do iceberg que envolve o clã Bolsonaro. Jair e seus filho

Presidente Temer anuncia intervenção federal em Roraima até o fim do ano

Presidente Temer anuncia intervenção federal em Roraima até o fim do ano

O presidente Michel Temer determinou a intervenção federal no estado de Roraima, em virtude da crise na segurança pública e penitenciária no estado a

RICARDO KOTSCHO - Conexão da família do PM Queiroz envolve Jair, Michele e Flávio Bolsonaro

RICARDO KOTSCHO - Conexão da família do PM Queiroz envolve Jair, Michele e Flávio Bolsonaro

O assessor parlamentar, motorista e segurança de Flávio Bolsonaro, PM Fabrício José Carlos de Queiroz, fez movimentações de RS 1,2 milhão em sua con