Porto Velho (RO) quarta-feira, 14 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Prefeitura terá de fazer leilão eletrônico para gastar verba do orçamento federal


O presidente da Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO), deputado Gilmar Machado (PT-MG), informou à imprensa que está negociando com líderes partidários a exigência de que toda prefeitura faça leilão eletrônico, via Internet, ao adquirir produtos ou serviços a serem pagos com verbas do orçamento da União. A idéia é permitir que empresas de todo o país participem dos leilões municipais, reduzindo preços e minimizando a possibilidade de fraudes.

Gilmar Machado quer incluir a exigência na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2007, que ainda será votada pelo Congresso. Machado vai negociar esse ponto com o relator da LDO, senador Romero Jucá (PMDB-RR). O projeto da LDO já foi votado pela Comissão de Orçamento, mas ainda depende de aprovação dos congressistas.

O Comitê de Fiscalização da Execução Orçamentária da CMO obteve sinal verde dos técnicos do Ministério da Fazenda para divulgar a prestação de contas das prefeituras que comprarem produtos ou serviços com verbas do orçamento da União. Os dados serão colocados no Sistema Integrado de Administração do Governo Federal (Siafi) e devem incluir o nome dos ganhadores da licitação, o preço oferecido e os nomes das empresas derrotadas. A exigência também será negociada com o relator da LDO.

O presidente da CMO também informou que enviará comunicação nas próximas horas aos líderes partidários solicitando que eles substituam, o mais rapidamente possível, os 17 parlamentares da comissão que tiveram nomes encaminhados aos conselhos de ética da Câmara e do Senado pela Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPI) dos Sanguessugas.

Fonte: Eli Teixeira - Agência Senado

Mais Sobre Política - Nacional

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

A juíza federal substituta Gabriela Hardt negou, nesta terça-feira (13), o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que ele

Bolsonaro anuncia o general Fernando Azevedo e Silva para a Defesa

Bolsonaro anuncia o general Fernando Azevedo e Silva para a Defesa

A pasta seria ocupada inicialmente pelo general Augusto Heleno

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

O exame tem validade de cinco anos para condutores com menos de 65 anos.

Haddad, Ciro, Boulos e os rumos dos progressistas

Haddad, Ciro, Boulos e os rumos dos progressistas

Haddad, Ciro e Boulos precisam decidir se querem dar um passo em frente ou dois passos atrás.