Porto Velho (RO) terça-feira, 3 de agosto de 2021
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

PM confirma exigência de nível superior em concurso


O Comando da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) confirmou nesta sexta-feira que o concurso para soldado da corporação será para nível superior. A determinação é do governador do DF, José Roberto Arruda. A partir deste concurso, qualquer outra forma de ingresso na PMDF vai exigir formação universitária. A Lei Federal 11.134, que autoriza a exigência, deve ser regulamentada até segunda-feira (14). O edital com 250 vagas para soldado da PM será lançado na próxima semana. O aumento do número de oportunidades ainda está em discussão. O certame ficará sob a responsabilidade do Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe/UnB).

De acordo com o comandante da PMDF, coronel Antônio Serra, a corporação avalia a necessidade da mudança da exigência de nível médio para superior desde o último concurso para o cargo, realizado em 2001. “Não é lógico que um profissional de segurança pública não tenha capacidade e maturidade intelectual. O policial lida com situações diversas diariamente e precisa estar preparado para isso, ter senso crítico. Erro na profissão de policial, geralmente, tem conseqüências drásticas”, justifica.

A decisão tem o apoio de toda a classe. Para o major Lima Filho, presidente da Associação de Oficiais do DF, a mudança é essencial para alterar paradigmas. “O PM de rua ainda é visto como policial do exército. Uma visão muito ultrapassada. Hoje, o policial lida muito mais com a comunidade, com os problemas sociais dela. É um pouco psicólogo, um pouco assistente social. Enfim, precisa ser uma pessoa instruída e preparada para isso”, afirma.

Já os candidatos que ansiavam há mais de sete anos pela oportunidade de entrar para a PM ficaram frustrados com a notícia. O concurseiro Felipe Jurandir Batista, 25 anos, disse que priorizou o concurso ao invés de ter um diploma de nível superior. Por isso, ficará de fora da seleção. “Eles (PMDF) deveriam ter avisado isso com antecedência. Eu ia estudar Direito depois que passasse no concurso. Agora eu tenho dois sonhos drasticamente adiados”, lamenta.

Policial do futuro
Cerca de 70% do contingente da PMDF, formado por 15 mil policiais na ativa, possui diploma de graduação ou está com o curso em andamento. A expectativa é de que o percentual chegue a 100% em quatro anos. Para isso, em novembro do ano passado, o GDF lançou o projeto Policial do Futuro.

Segundo os planos do governo, mais de seis mil policiais que não possuem nível superior terão a oportunidade de conseguir um diploma com especificação em Gestão de Segurança Pública. O curso será à distância e vai ter duração de dois anos. Todo o investimento será público.

Fonte: Correioweb

Mais Sobre Política - Nacional

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

A deputada federal Mariana Carvalho (PSDB-RO) defendeu nesta quinta-feira (2) as medidas que estão sendo aprovadas pela Câmara e pelo Senado no

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

O deputado federal Lucio Mosquini é o relator revisor da MP 924/2020, conhecida como MP do Enfrentamento do coronavírus. O Senador Eduardo Gomes també

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Rede Brasil Atual - Deputados da oposição anunciaram hoje (5) que vão apresentar denúncia no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ministro da Edu