Porto Velho (RO) quarta-feira, 14 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Plano de vôo foi encontrado com corpo do co-piloto


 Carolina Pimentel
 Agência Brasil

A Divisão de Comunicação da Polícia Civil do Distrito Federal informou que foi encontrado junto ao corpo do co-piloto Thiago Jordão Cruso, 29 anos, o plano do vôo 1907. O documento já foi encaminhado à Aeronaútica. Assim como os corpos de outras duas vítimas, o do co-piloto foi enviado para identificação por meio do exame de DNA, feito pelo Instituto de Pesquisa de DNA Forense.

De acordo com a Polícia Civil, o exame de DNA é utilizado quando não é possível fazer a identificação por meio das impressões digitais. "Em alguns casos, precisamos refazer alguns exames que já foram realizados na Serra do Cachimbo (MT). A gente refaz por segurança. Na verdade, quando olhamos já temos 95% de certeza. Para que a gente tenha 100%, em alguns casos, é preciso refazer o exame. Isso demora mais um pouco para a família. Estamos trabalhando para que não haja nenhum erro na entrega de cadáveres", explicou hoje (8) a diretora da Divisão de Comunicação da Polícia Civil, Valéria Raquel Martirena.


 

Mais Sobre Política - Nacional

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

JUÍZA SUBSTITUTA DE MORO NEGA PEDIDO DE LULA PARA SER INTERROGADO DE NOVO

A juíza federal substituta Gabriela Hardt negou, nesta terça-feira (13), o pedido da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para que ele

Bolsonaro anuncia o general Fernando Azevedo e Silva para a Defesa

Bolsonaro anuncia o general Fernando Azevedo e Silva para a Defesa

A pasta seria ocupada inicialmente pelo general Augusto Heleno

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

O exame tem validade de cinco anos para condutores com menos de 65 anos.

Haddad, Ciro, Boulos e os rumos dos progressistas

Haddad, Ciro, Boulos e os rumos dos progressistas

Haddad, Ciro e Boulos precisam decidir se querem dar um passo em frente ou dois passos atrás.