Porto Velho (RO) terça-feira, 13 de novembro de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

PF prende 32 por crime ambiental em Rondônia e Mato Grosso


Agência O GloboBRASÍLIA - A Polícia Federal já prendeu na manhã desta terça-feira 32 pessoas acusadas de desmatamento em Rondônia e Mato Grosso. A operação "Daniel" tenta desarticular uma organização criminosa que atuava na região de Ji-Paraná, São Miguel, São Francisco do Guaporé, Costa Marques, Cacoal, Pimenta Bueno e outros municípios de Rondônia.O grupo é integrado por empresários do ramo madeireiro, lobistas, contadores, advogados e servidores do Ibama. A quadrilha também tinha o apoio de policiais rodoviários federais em Rondonópolis/MT, que garantiam o escoamento da madeira retirada da Amazônia.As investigações começaram em março, a partir de denúncias de um servidor do Ibama, que delatou os colegas que liberavam Autorizações de Transporte de Produtos Florestais (ATPFs) para as empresas constituídas em nome de "laranjas". Estão sendo cumpridos mandados de prisão temporária e de busca e apreensão. Participam da operação 250 policiais federais de Rondônia, Roraima, Amazonas, Acre, Mato Grosso e do Distrito Federal, além de servidores do Ibama.Os presos responderão pelos crimes de formação de quadrilha, corrupção passiva, corrupção ativa, violação de sigilo funcional, concussão e crimes ambientais e ficarão à disposição da Justiça Federal nos presídios de Rondônia.A operação Daniel é a 13ª de uma seqüência de ações repressivas realizadas em parceria pela Polícia Federal e o Ibama contra quadrilhas que atuam de maneira organizada na área do meio ambiente.

Mais Sobre Política - Nacional

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

Projeto de Mariana Carvalho isenta motorista de novos exames dentro da validade da CNH

O exame tem validade de cinco anos para condutores com menos de 65 anos.

Haddad, Ciro, Boulos e os rumos dos progressistas

Haddad, Ciro, Boulos e os rumos dos progressistas

Haddad, Ciro e Boulos precisam decidir se querem dar um passo em frente ou dois passos atrás.

O presidente eleito Jair Bolsonaro intensifica processo de transição esta semana em Brasília

O presidente eleito Jair Bolsonaro intensifica processo de transição esta semana em Brasília

Previdência, nomeação de ministros e reajuste estão na agenda

Governo Bolsonaro não fará discriminação de qualquer tipo, afirma Moro

Governo Bolsonaro não fará discriminação de qualquer tipo, afirma Moro

Futuro ministro afirma que haverá rigor contra crimes de ódio