Domingo, 19 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política - Nacional

PF confirma que parte do dinheiro veio do bicho


Paula Autran - Agência O Globo RIO - O diretor-geral da Polícia Federal, Paulo Lacerda, confirmou na manhã desta quinta-feira que uma parte (R$ 5 mil) do R$ 1,7 milhão usado para a compra do dossiê contra tucanos veio do jogo do bicho. Lacerda se mostra otimista quanto a se descobrir toda a origem do dinheiro: - É certo que pelo menos uma pequena parte veio do bicho. Estamos próximos de desvendar toda a origem do dinheiro. Estou otimista que se descubra antes do segundo turno - disse Lacerda, após participar da aula inaugural no Tijuca Tênis Clube, no Rio, com cerca de quatro mil jovens, que fazem parte da segunda turma dos guias cívicos que vão trabalhar como voluntários dos Jogos Pan-Americanos. O Ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, que também participou do evento, foi mais cauteloso: - Não dá para dizer que o dinheiro é do bicho. Por enquanto, esta é uma linha de investigação. Eu não sei detalhar, mas são linhas sérias porque são muitas pistas que estão sendo seguidas. Thomaz Bastos também não quis confirmar se o dinheiro teria vindo das bancas de jogo do bicheiro Antonio Petrus Kalil, o Turcão, situadas na Baixada Fluminense: - Não, eu não confirmo. Pode ser que seja, pode ser que não. É uma linha de investigação. O importantre é não fazermos disso uma questão eleitoral. O diretor-geral da PF informou que na próxima semana enviará um relatório sobre as investigações ao juiz Jefferson Schneider, da 2ª Vara da Justiça Federal, que conduz o processo sobre a ação dos sanguessugas. Sobre a origem dos dólares que também seriam usados na compra do dossiê, Lacerda também se mostrou otimista: - A apuração é justamente para desvendar a que se refere esse recurso (dólares). Este é o nosso objetivo. Acredito que vamos conseguir, estou otimista. Já o ministro da Justiça não escondeu a irritação quando foi perguntado se não achava que as investigações estavam atrasadas: - Esta frase é absolutamente destituída de sentido. A apuração está sendo feita rapidamente. Isso aconteceu há 30 dias e já se descobriu toda a cadeia causal. A polícia está fazendo um trabalho que ninguém consegue fazer. Como ninguém confessou até agora, temos que ir pela prova técnica, e nós estamos chegando perto - disse Thomaz Bastos, que logo em seguida completou: - Agora existe um tempo para uma investigação séria e existe um tempo eleitoral. Não se pode esperar demais da natureza humana e achar que certos políticos da oposição queiram se comportar de uma maneira objetiva e republicana numa eleição como esta, que está chegando em sua última semana.

Gente de OpiniãoDomingo, 19 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta sexta-feira (25) maioria de votos para determinar que a Câmara dos Deputados faça a redistribuição do

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

O Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SInagências) conseguiu uma solução direta do governo após intensa articulaç

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Reservas foi instaurada em Rondônia para investigar possíveis irregularidades nos processos de criação

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Na tarde dessa segunda-feira (06), o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), Paulo Pimenta, esteve r

Gente de Opinião Domingo, 19 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)