Porto Velho (RO) sábado, 18 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Petrobras pode se tornar grande exportadora de álcool, se for preciso


Ramona Ordoñez - Agência O GloboRIO - A Petrobras poderá vir a implantar álcool no país. A informação foi dada nesta segunda-feira pelo presidente da estatal, José Sergio Gabrielli, ao explicar que seu objetivo, se for preciso, é se tornar uma grande exportadora de álcool mundial para garantir a oferta do produto.Gabrielli após participar da assinatura do memorando de entendimentos com o JBIC (Japan Bank for International Cooperation), que tem o objetivo de desenvolver a projetos na área do biocombustível, principalmente do álcool.- Queremos ser uma grande comercializadaora de álcool do mundo. Estamos neste momento na montagem dos modelos, que podem vir a ser desde a contratação de compra do álcool até parcerias com o setor privado, como sua produção direta - disse.O diretor da Área de Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa, também presente à solenidade, explicou que a meta da empresa é de vir a exportar 3,5 bilhões de litos de álcool por ano já a partir de 2011. Desse total, entre 85% a 90% serão para o Japão, que vai iniciar a mistura de 3% de álcool a sua gasolina nos próximos anos.Paulo Roberto explicou que nesse momento a Petrobras está em avaliação para o desenvolvimento de toda a logística, desde a produção do álcool ao transporte e à exportação, porque, segundo ele, os japoneses só fecharão o contrato de compra do álcool se houver garantia firme dessa oferta.Ele estima que para produzir 3,5 bilhões de litros anuais de álcool serão necessários investimentos entre US$ 4 bilhões a US$ 5 bilhões.O JBIC está interessado em financiar os projetos que se destinarão à exportação do álcool para o Japão.Neste ano, a Petrobras estima exportar 850 milhões de litros de álcool, principalmente para a Venezuela e Nigéria, entre outros mercados.

Mais Sobre Política - Nacional

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

BLOG NOCAUTECom informações do Poder 360A Editora Abril, que já foi a maior do Brasil, acumulou dívidas de cerca de R$ 1,6 bilhão. Só na semana passad

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

O jornalista e escritor Palmério Dória denuncia em seu Twitter o cinismo escancarado do Grupo Globo em omitir o que ele chama de 'engenharia do caos';

 Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

O desembargador do TRF-4 Rogério Fraveto, que em 8 de julho determinou a soltura do ex-presidente Lula, decisão que não foi cumprida, disse, em sua de

Grupo Abril pede recuperação judicial

Grupo Abril pede recuperação judicial

O grupo Abril entrou com um pedido recuperação judicial nesta quarta-feira (15); plano de recuperação judicial será mostrado aos credores em até 60 di