Porto Velho (RO) segunda-feira, 20 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Perdigão compra empresa italiana


Bruno Rosa, Agência O GloboRIO - A Perdigao concluiu as negociações para a compra da Sino dos Alpes Alimentos, subsidiaria da Grandi Salumifici Italiani (GSI), grupo lider em embutidos na Itália. O negócio ficou em torno de R$ 8,5 milhões.Foi firmado ainda memorando de entendimento entre as duas empresas, objetivando a troca de tecnologia para o desenvolvimento e a fabricação de alimentos a base de carnes na Itália e no Brasil e comercialização reciproca de produtos.Instalada na cidade de Bom Retiro do Sul (RS), a unidade fabrica produtos a base de carne suina e de frango - entre os quais salsicha, presunto, apresuntado, lingüica, pate, fiambres e mortadela.A Sino dos Alpes Alimentos foi criada em 1999, por meio de parceria entre a GSI e a tradicional cooperativa gaucha Languiru. Naquele ano, instituiu-se uma joint venture com a participação de 50% do capital de ambas as empresas. Em 2002, o grupo italiano comprou a parte da cooperativa e assumiu 100% do negócio.

Mais Sobre Política - Nacional

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

Do Pato Donald ao caos financeiro, Abril fecha revistas, demite 800 e entra em decadência

BLOG NOCAUTECom informações do Poder 360A Editora Abril, que já foi a maior do Brasil, acumulou dívidas de cerca de R$ 1,6 bilhão. Só na semana passad

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

Engenharia do caos: 27 milhões sem trabalho

O jornalista e escritor Palmério Dória denuncia em seu Twitter o cinismo escancarado do Grupo Globo em omitir o que ele chama de 'engenharia do caos';

 Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

Moro age como se fosse autoridade superior, diz Favreto no CNJ

O desembargador do TRF-4 Rogério Fraveto, que em 8 de julho determinou a soltura do ex-presidente Lula, decisão que não foi cumprida, disse, em sua de

Grupo Abril pede recuperação judicial

Grupo Abril pede recuperação judicial

O grupo Abril entrou com um pedido recuperação judicial nesta quarta-feira (15); plano de recuperação judicial será mostrado aos credores em até 60 di