Porto Velho (RO) sábado, 19 de janeiro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Passageiros em Congonhas fazem abaixo-assinado para processar empresas


Agência O Globo SÃO PAULO - Os passageiros que passaram a noite no aeroporto de Congonhas porque não conseguiram embarcar fizeram um abaixo-assinado. Eles pretendem acionar na Justiça as companhias por causa do cancelamento de vôos e atrasos. A maioria dos vôos cancelados ou atrasados foram da TAM. A empresa informou que os problemas aconteceram por condições climáticas e manutenção não programada de aeronaves.Durante a madrugada, o clima esquentou em Congonhas. Nervosos, os passageiros queriam explicações para os atrasos. A confusão era tanta, que um grupo de 30 pessoas perdeu um vôo que saiu no horário, mas o portão informado para embarque estava trocado.- Nos sentimos humilhados - diz Reinaldo Miguel, analista de sistema que embarcaria para Londrina e aderiu ao abaixo-assinado.Congonhas funcionou até meia-noite. Cerca de 300 passageiros passaram a noite nas salas de embarque porque os vôos atrasaram ou foram cancelados. Desconforto e cansaço foram as reclamações mais ouvidas. Crianças e idosos de mais de 75 anos dividiam o espaço.O aeroporto de Congonhas reabriu às 6h e as filas já eram grandes nos balcões de check-in, por causa dos passageiros que ficaram por lá á noite e das pessoas que chegavam para embarcar nesta quinta.

Mais Sobre Política - Nacional

HASTA LA VISTA, BAMBINO

HASTA LA VISTA, BAMBINO

Césare Battisti buscou a proteção de Evo Morales, seu aliado de esquerda.

Jair Bolsanaro assina decreto e  pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

Jair Bolsanaro assina decreto e pessoas acima de 25 anos podem ter até 4 armas de fogo

A partir do decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro hoje (15), no Palácio do Planalto, cidadãos brasileiros com mais de 25 anos poderão compra

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

O filho de Hamilton Mourão e o irmão de José Alencar: dois casos exemplares

São casos exemplares que demonstram comportamentos opostos dos governos

Governo de Bolsanaro vai fazer pente fino em 2 milhões de benefícios do INSS

Governo de Bolsanaro vai fazer pente fino em 2 milhões de benefícios do INSS

O governo federal vai fazer uma auditoria em 2 milhões de benefícios pagos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que têm indícios de irregul