Domingo, 14 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política - Nacional

País perde R$ 234 bi com corrupção e ineficiência


Agência O Globo SÃO PAULO - O Brasil perde, todos os anos, o equivalente a 32% de sua arrecadação tributária com corrupção e ineficiência na administração da máquina pública. Considerando o valor total desembolsado pelos contribuintes no ano passado, que atingiu R$ 732,867 bilhões, o desperdício chegou a R$ 234,517 bilhões. É o que revela um estudo do Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT). Com esse dinheiro seria possível levar água e esgoto encanados e tratados às casas de todos os moradores do país. Custo da obra: R$ 220 bilhões, segundo estimativa da Associação das Empresas de Saneamento Básico Estaduais (Aesbe). Outra opção para o uso desses recursos seriam a reforma das estradas brasileiras. Pelas contas da Associação Brasileira da Infra-estrutura e Indústrias de Base (Abdib), com o dinheiro seria suficiente para recuperar os 156 mil quilômetros da malha atual e ainda haveria o suficiente para assegurar sua manutenção por cerca de 60 anos consecutivos. Para chegar a esses números, o IBPT pesquisou 22.158 casos envolvendo notícias na imprensa, denúncias e processos efetivamente constituídos pelos tribunais de contas, registrados nos últimos 17 anos. Dos casos já julgados por órgãos da administração pública federal, estaduais e municipais dos três Poderes, em 32% houve comprovação de corrupção ativa ou desleixo administrativo. - A corrupção é uma verdadeira praga. Consome boa parte das riquezas do país - afirma o presidente do IBPT, Gilberto Luiz do Amaral. Para chamar atenção ao problema, o IBPT promete colocar em funcionamento, até o dia 25, o "corruptômetro". A inciativa segue o exemplo do "impostômetro", painel eletrônico instalado na fachada da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) que registra em tempo real a arrecadação total de impostos no país.

Gente de OpiniãoDomingo, 14 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta sexta-feira (25) maioria de votos para determinar que a Câmara dos Deputados faça a redistribuição do

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

O Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SInagências) conseguiu uma solução direta do governo após intensa articulaç

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Reservas foi instaurada em Rondônia para investigar possíveis irregularidades nos processos de criação

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Na tarde dessa segunda-feira (06), o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), Paulo Pimenta, esteve r

Gente de Opinião Domingo, 14 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)