Porto Velho (RO) sábado, 31 de outubro de 2020
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Novo presidente da OAB cobra reforma política de Renan


Agência O Globo BRASÍLIA - Tão logo tomou conhecimento da reeleição de Renan Calheiros para a presidência do Senado, o novo presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Cezar Britto, cobrou do senador que ponha na pauta a reforma política. - A expectativa da OAB é de que a reeleição de Renan Calheiros para a presidência do Senado e do Congresso Nacional confirme seu compromisso de dar prioridade à reforma política já no início dos trabalhos legislativos - afirmou. No início da semana, Cezar Britto esteve na Câmara e no Senado para uma visita de cortesia aos respectivos presidentes, Aldo Rebelo e Renan Calheiros. A ambos, pleiteou prioridade para a reforma política, anunciando que a OAB enviará em breve suas propostas, elaboradas pelo Fórum da Cidadania para a Reforma Política. De ambos, ouviu promessas categóricas de que o tema estará no topo da agenda parlamentar de ambas as casas legislativas.

Mais Sobre Política - Nacional

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

A deputada federal Mariana Carvalho (PSDB-RO) defendeu nesta quinta-feira (2) as medidas que estão sendo aprovadas pela Câmara e pelo Senado no

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

O deputado federal Lucio Mosquini é o relator revisor da MP 924/2020, conhecida como MP do Enfrentamento do coronavírus. O Senador Eduardo Gomes també

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Rede Brasil Atual - Deputados da oposição anunciaram hoje (5) que vão apresentar denúncia no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ministro da Edu