Porto Velho (RO) sexta-feira, 22 de março de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

No voto espontâneo, só Heloisa Helena cresce


Adriana Vasconcelos - (Agência O Globo)BRASÍLIA - Na pesquisa de voto espontâneo da CNT/Sensus, somente a senadora Heloisa Helena, do PSOL, apresentou crescimento entre as pesquisas de julho e agosto. A senadora, que tinha 1,4% das intenções de voto em julho, agora aparece com 4,6%. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que tinha 33,5% em julho, agora tem 32,3%, enquanto o tucano Geraldo Alckmin, que tinha 12,6%, aparece com 10,1% em agosto. Todos os outros candidatos somaram 1,0% em agosto, contra 1,6% na pesquisa de julho. Indecisos, brancos e nulos têm agora 52,0%, contra 50,9% em julho.

Mais Sobre Política - Nacional

Câmara dos Deputados: CCJC aprova projeto de política nacional de prevenção ao suicídio

Câmara dos Deputados: CCJC aprova projeto de política nacional de prevenção ao suicídio

A deputada federal Mariana Carvalho (PSDB-RO), informou que Câmara dos Deputados, por meio da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC)

Vídeo: Mariana Carvalho comemora a aprovação do seu projeto em que o agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

Vídeo: Mariana Carvalho comemora a aprovação do seu projeto em que o agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

Projeto da deputada Mariana Carvalho (PSDB-RO) e do deputado Rafael Motta (PSB-RN) é aprovado no Senado Federal. O projeto determina que o agressor

APROVADO – Agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

APROVADO – Agressor terá de ressarcir SUS por custos com vítima de violência doméstica

O Plenário do Senado aprovou, nesta terça-feira (19), projeto que determina que o agressor nos casos de violência doméstica e familiar será obrigado a

Câmara dos Deputados aprova prioridade de matrícula para filhos de mulher vítima de violência

Câmara dos Deputados aprova prioridade de matrícula para filhos de mulher vítima de violência

Proposta permite ao juiz determinar a matrícula ou transferência de dependentes da mulher vítima de violência independentemente da existência de vagaO